Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Tecnologia

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Wi-Fi: cinco dicas para melhorar a conexão de internet sem fio

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação
Do 33Giga

24/08/2021 | 13:56


Para quem está trabalhando ou estudando de casa, melhorar a conexão de internet pode ser vital. Confira, a seguir, dicas práticas do 33Giga e de Fabio Appel, coordenador de produtos da TP-Link Brasil, para evitar desconfortos e frustrações durante sua navegação on-line.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Localização adequada

Para melhorar a conexão de internet, o ideal é observar a receptividade de sinal e conexão. Por conta disso, modem e o roteador devem estar em local adequado. Com isso, é ideal pensar em um ponto central para a implantação dos dispositivos.

Leia mais:
Catflix: plataforma de streaming para gatos distrai bichanos em frente à TV
10 filmes e séries de zumbis para assistir no streaming

“Um roteador funciona através de ondas de rádio, portando é essencial analisar obstáculos, como paredes espessas, vidros e espelhos, que venham a reduzir a qualidade do sinal”, diz Appel.

Atualizar o roteador

Uma das formas de melhorar a conexão de internet, além de mantê-la segura e sem problemas, é realizar atualizações no roteador. Com isso, evita-se perda de desempenho. É importante também saber se seu firmware está na versão mais recente.

“Em alguns aparelhos, principalmente os mais recentes, é uma função automática. No entanto, é preciso conhecer o modelo utilizado e verificar se está na versão mais atualizada”, comenta Appel.

Se você tem alguma dúvida sobre tecnologia, escreva para  e suas questões podem ser respondidas

Faça testes de velocidade

Nem sempre o problema de conexão está no roteador ou no wi-fi. Em determinados casos, pode estar na própria rede de internet. Nesses casos, é recomendado realizar testes de velocidade utilizando o cabo de rede para entender os porquês do baixo desempenho.

“Conexões com taxas de download e upload abaixo do contratado apontam defeitos, que devem ser solucionados com a reparação feita por técnicos especializados de sua franquia contratada”, afirma.

O 33Giga oferece velocímetro gratuito, para medir sua velocidade em https://33giga.com.br/teste-de-velocidade.

Múltiplas conexões

Cada vez mais as casas brasileiras estão repletas de eletroeletrônicos conectados à internet. A família inteira costuma acessar a rede em múltiplos dispositivos como celulares, computadores, tablets, videogames e nas smart TVs.

No entanto, nem sempre há uma conexão que suporte tantos aparelhos ligados ao mesmo tempo, causando uma divisão nos dados de Wi-Fi. Appel enfatiza que o indivíduo deve conhecer bem seu roteador e conexão, para utilizá-los da forma mais eficiente.

Aprimorar a segurança

A segurança do roteador wifFi faz diferença para uma conexão eficaz. De acordo com o especialista, cuidados como a troca periódica de senha e a opção de segurança WPA são maneiras de reforçar a qualidade da navegação.

“O algoritmo WPA é mais seguro que o WEP, portanto é recomendado sua utilização”, finaliza.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;