Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com foco no Inamar, Netuno deve abdicar da Copa Paulista

Celso Luiz/ DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Recém-promovido de volta à elite, Água Santa vai concentrar esforços e investimentos em melhorar estádio e prevê campos de treinamento


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

07/06/2021 | 00:01


O acesso à elite e o vice-campeonato paulista da Série A-2 naturalmente fariam o Água Santa entrar como favorito ao título da Copa Paulista. No entanto, ao que tudo indica, o Netuno deverá abrir mão de participar da competição para concentrar esforços e investimentos no Estádio do Inamar, visando a disputa da Série A-1 de 2022 e também os próximos passos da agremiação.

Debaixo da arquibancada principal da praça esportiva estão sendo construídos quartos, refeitório e salas administrativas, estruturas que deverão estar finalizadas até o próximo Paulistão. Ainda estão nos planos sala de troféus, loja e no tereno ao lado o Água Santa busca viabilizar a construção de dois campos de treinamento.

“A energia vai estar na estruturação e no planejamento à Série A-1. Neste momento não tem definição total, a chance de disputar (a Copa Paulista) passa por decisão da direção, mas trabalhamos com a hipótese de não disputar”, explicou o diretor executivo do Netuno, Julio Rondinelli. “Essa estruturação é (processo) necessária para crescimento e consolidação do Água Santa no cenário estadual”, emendou o dirigente, que vê neste movimentotrunfo para a diretoria no momento de contratar jogadores. “Penso que temos condição de fazer bom elenco, oferecer a condição profissional que os outros oferecem, mas o diferencial vai ser estádio bom, acomodação, concentração com qualidade, para facilitar o trabalho da comissão.”

Sobre os campos que serão construídos ao lado do estádio, o dirigente explicou que “existe trâmite burocrático, que está em fase de desembaraço, permissões e tudo mais”. “A gente utiliza nosso gramado por duas ou três vezes na semana, mas é grama frágil, então se tem mais dois campos consegue distribuir a utilização do gramado e faz com que o campo de jogo esteja sempre bem conservado.”

O clube aproveitará também para solucionar o sistema de iluminação e a estrtura do VAR, situações que tiraram o mata-mata da A-2 do Inamar. “Não jogar em casa é complicado, ainda mais aqui, onde a atmosfera é positiva. Jogamos só três jogos de 21 em casa.Tivemos isso como inimigo, mas ocultamos do vestiário todo o tempo para não contagiar o grupo. Prevaleceu o ambiente coletivo e conseguimos superar as adversidades”, concluiu.

Sérgio Guedes é o favorito para comandar equipe na elite estadual

Contratado para a Copa Paulista de 2020, Sérgio Guedes foi uma das peças fundamental para a montagem do elenco do Água Santa promovido para a elite. E, no que depender do diretor executivo Julio Rondinelli, seguirá no cargo para 2022, independentemente de disputar ou não uma competição neste segundo semestre de 2021.

“O Sérgio está em casa, merecidamente descansando. Temos mantido contato. As decisões vão passar pela direção, pelo novo planejamento que está sendo traçado. O meu posicionamento é que o Sérgio é o comandante da Série A-1, mas essa vontade passa pela direção, a qual tem aprovação total pelo trabalho desenvolvido. Então, a resposta está nas entrelinhas, mas ainda não é definitiva”, disse o dirigente.

Rondinelli, inclusive, não poupou elogios ao treinador. “Foi a pessoa escolhida da forma mais correta possível para conduzir o Água Santa à Primeira Divisão. A gente sabe que o clube em outros momentos teve hábito de deixar e entregar time na mão de um treinador. Isso mudou e dentro de filosofia estabelecida fez com que decisões fossem compartilhadas entre todas as pessoas envolvidas. Considero, sim, o Sérgio Guedes responsável diretamente pela condução e o que priorizou isso, como fator preponderante, foi a forma simples de conduzir, objetiva de decidir e compartilhada de direcionar as decisões.”



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;