Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Alphabet tem lucro de US$ 11,25 bi no 3º trimestre



29/10/2020 | 17:44


Controladora do Google, a Alphabet registrou lucro líquido de US$ 11,25 bilhões no terceiro trimestre de 2020, uma alta de 59% em relação ao resultado de US$ 7,068 bilhões obtido em igual período do ano passado. O lucro por ação ficou em US$ 16,40, de US$ 10,12 entre julho e setembro de 2019, acima da projeção de US$ 11,31 de analistas consultados pelo FactSet.

A receita da empresa foi de US$ 46,17 bilhões no período, um crescimento de 14% em relação ao terceiro trimestre do ano passado.

A receita com anúncios do Google, por sua vez, ficou em US$ 37,1 bilhões, de US$ 33,8 bilhões em igual período de 2019.

"Tivemos um trimestre forte, consistente com o ambiente online mais amplo", diz o CEO da Alphabet, Sundar Pichai, no comunicado de divulgação do balanço.

"As receitas totais de US$ 46,2 bilhões no terceiro trimestre refletem o amplo crescimento liderado por um aumento nos gastos dos anunciantes na Pesquisa e no YouTube, bem como na força contínua do Google Cloud e Play", acrescenta a diretora financeira da companhia, Ruth Porat.

Nos negócios do after hours em NY, a ação da Alphabet subia 6,43%, às 17h38 (de Brasília).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Alphabet tem lucro de US$ 11,25 bi no 3º trimestre


29/10/2020 | 17:44


Controladora do Google, a Alphabet registrou lucro líquido de US$ 11,25 bilhões no terceiro trimestre de 2020, uma alta de 59% em relação ao resultado de US$ 7,068 bilhões obtido em igual período do ano passado. O lucro por ação ficou em US$ 16,40, de US$ 10,12 entre julho e setembro de 2019, acima da projeção de US$ 11,31 de analistas consultados pelo FactSet.

A receita da empresa foi de US$ 46,17 bilhões no período, um crescimento de 14% em relação ao terceiro trimestre do ano passado.

A receita com anúncios do Google, por sua vez, ficou em US$ 37,1 bilhões, de US$ 33,8 bilhões em igual período de 2019.

"Tivemos um trimestre forte, consistente com o ambiente online mais amplo", diz o CEO da Alphabet, Sundar Pichai, no comunicado de divulgação do balanço.

"As receitas totais de US$ 46,2 bilhões no terceiro trimestre refletem o amplo crescimento liderado por um aumento nos gastos dos anunciantes na Pesquisa e no YouTube, bem como na força contínua do Google Cloud e Play", acrescenta a diretora financeira da companhia, Ruth Porat.

Nos negócios do after hours em NY, a ação da Alphabet subia 6,43%, às 17h38 (de Brasília).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;