Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 21 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sto.André lança programa em busca de talentos


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

27/09/2010 | 07:08


Parceria entre o Santo André e a Prefeitura tem tudo para devolver ao Ramalhão e à cidade o status de celeiro de talentos. O Projeto Ramalhinho visa selecionar garotos entre 9 e 14 anos (nascidos entre 1996 e 2001) com o intuito de não apenas formar jogadores, mas dar base social e educacional aos futuros atletas.

Líder do projeto, o diretor executivo da equipe andreense Antonio Carlos Moreno vive a expectativa de êxito na iniciativa, que também tem como meta formar as equipes sub-11 e sub-13 do clube para disputar campeonatos em 2011.

"Nosso projeto visa aumentar a linha de produção do Esporte Clube Santo André no futebol. Ao saber que a Prefeitura tem oito escolinhas do esporte, com crianças de 9 a 14 anos (totalizando 600 jovens), decidimos ampliar o projeto a toda cidade, porque é uma fonte muito boa", explicou o dirigente.

Serão selecionados 100 garotos. Metade formará o sub-11 e o restante o sub-13. Aqueles que excederem a idade (14), mas forem aprovados, seguirão diretamente ao sub-15. Oito campos municipais servirão às avaliações entre os dias 5 e 18 de outubro: Jardim Guarará, Vila Humaitá, Jardim Santo Alberto, Parque Novo Oratório, Vila Assunção, Vila Guaraciaba, Príncipe de Gales e Centreville (a lista de datas, horas e locais, assim como a ficha de inscrição estão disponíveis no site www.santoandrefutebol.com.br

"Será um projeto dinâmico, que se renova semestralmente. Este já é um período bom para avaliar se o garoto leva jeito ou não. Daí, a seletiva seguinte é realizada a partir do número de vagas abertas. A primeira turma deve iniciar entre novembro e dezembro."

O local destinado às novas categorias receberá o nome de Núcleo de Treinamento e Formação, com espaço ainda a ser definido. "O que a gente quer é levar as crianças não só para o campo, mas para um local onde possa desenvolver situações humanas, sociais e educacionais. Nossa ideia é oferecer transporte, alimentação e uniforme, o que ficaria sob cuidados do Santo André, enquanto as despesas pessoais e material esportivo seriam responsabilidade da Prefeitura", contou Moreno, que busca parcerias e patrocínios para incrementar o projeto.

Ramalhão confirma Marques e a volta do lateral Alexandre
Se o ano de 2008 traz boas recordações ao Santo André pelo título da Série A-2 do Campeonato Paulista e o acesso à elite do Brasileiro, os jogadores que fizeram parte daquele elenco são vistos como grandes responsáveis pelo clube figurar ultimamente entre os tops do País.

E se nas duas últimas semanas a diretoria andreense já havia contratado o zagueiro Da Guia, o lateral-esquerdo Jaílson, o atacante Fábio Luís e até o técnico Fahel Júnior, agora foi a vez do acerto com o lateral-direito Alexandre que, inicialmente, será emprestado ao Patrocinense (MG), parceiro do Ramalhão. "A expectativa é que ele faça o mesmo processo do Jaílson (esteve no Varginha). Está há um tempo sem jogar e precisa entrar em forma", disse o diretor de futebol Juraci Catarino. "Mas como o prazo de inscrição (da Série B) termina no dia 30, acho que esta é uma situação para 2011."

Outro reforço confirmado pelo dirigente foi o atacante Marques, ex-Brasil de Pelotas. O atleta de 25 anos chega com o aval de Fahel Júnior, com quem trabalhou no Sul. Ele vai brigar por posição entre os titulares. Segundo o treinador, o estilo de jogo do jogador é semelhante ao de Borebi.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sto.André lança programa em busca de talentos

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

27/09/2010 | 07:08


Parceria entre o Santo André e a Prefeitura tem tudo para devolver ao Ramalhão e à cidade o status de celeiro de talentos. O Projeto Ramalhinho visa selecionar garotos entre 9 e 14 anos (nascidos entre 1996 e 2001) com o intuito de não apenas formar jogadores, mas dar base social e educacional aos futuros atletas.

Líder do projeto, o diretor executivo da equipe andreense Antonio Carlos Moreno vive a expectativa de êxito na iniciativa, que também tem como meta formar as equipes sub-11 e sub-13 do clube para disputar campeonatos em 2011.

"Nosso projeto visa aumentar a linha de produção do Esporte Clube Santo André no futebol. Ao saber que a Prefeitura tem oito escolinhas do esporte, com crianças de 9 a 14 anos (totalizando 600 jovens), decidimos ampliar o projeto a toda cidade, porque é uma fonte muito boa", explicou o dirigente.

Serão selecionados 100 garotos. Metade formará o sub-11 e o restante o sub-13. Aqueles que excederem a idade (14), mas forem aprovados, seguirão diretamente ao sub-15. Oito campos municipais servirão às avaliações entre os dias 5 e 18 de outubro: Jardim Guarará, Vila Humaitá, Jardim Santo Alberto, Parque Novo Oratório, Vila Assunção, Vila Guaraciaba, Príncipe de Gales e Centreville (a lista de datas, horas e locais, assim como a ficha de inscrição estão disponíveis no site www.santoandrefutebol.com.br

"Será um projeto dinâmico, que se renova semestralmente. Este já é um período bom para avaliar se o garoto leva jeito ou não. Daí, a seletiva seguinte é realizada a partir do número de vagas abertas. A primeira turma deve iniciar entre novembro e dezembro."

O local destinado às novas categorias receberá o nome de Núcleo de Treinamento e Formação, com espaço ainda a ser definido. "O que a gente quer é levar as crianças não só para o campo, mas para um local onde possa desenvolver situações humanas, sociais e educacionais. Nossa ideia é oferecer transporte, alimentação e uniforme, o que ficaria sob cuidados do Santo André, enquanto as despesas pessoais e material esportivo seriam responsabilidade da Prefeitura", contou Moreno, que busca parcerias e patrocínios para incrementar o projeto.

Ramalhão confirma Marques e a volta do lateral Alexandre
Se o ano de 2008 traz boas recordações ao Santo André pelo título da Série A-2 do Campeonato Paulista e o acesso à elite do Brasileiro, os jogadores que fizeram parte daquele elenco são vistos como grandes responsáveis pelo clube figurar ultimamente entre os tops do País.

E se nas duas últimas semanas a diretoria andreense já havia contratado o zagueiro Da Guia, o lateral-esquerdo Jaílson, o atacante Fábio Luís e até o técnico Fahel Júnior, agora foi a vez do acerto com o lateral-direito Alexandre que, inicialmente, será emprestado ao Patrocinense (MG), parceiro do Ramalhão. "A expectativa é que ele faça o mesmo processo do Jaílson (esteve no Varginha). Está há um tempo sem jogar e precisa entrar em forma", disse o diretor de futebol Juraci Catarino. "Mas como o prazo de inscrição (da Série B) termina no dia 30, acho que esta é uma situação para 2011."

Outro reforço confirmado pelo dirigente foi o atacante Marques, ex-Brasil de Pelotas. O atleta de 25 anos chega com o aval de Fahel Júnior, com quem trabalhou no Sul. Ele vai brigar por posição entre os titulares. Segundo o treinador, o estilo de jogo do jogador é semelhante ao de Borebi.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;