Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 4 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ponte pode ter todos os reforços indisponíveis no reinício do Paulistão

Reprodução/Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


10/07/2020 | 15:48


Após reunião por videoconferência com a FPF, a Ponte Preta corre risco de não ter nenhum dos oito reforços oficializados durante a pandemia do novo coronavírus no reinício do Campeonato Paulista.

Por determinação da entidade máxima, definiu-se pelo cumprimento integral do artigo 21 do Regulamento Geral de Competições, o qual determina que o atleta só pode defender apenas um clube, independente da série de disputa, no Estadual.

Desta forma, o técnico João Brigatti fica impossibilitado de escalar seis jogadores, contratados após bom desempenho no Paulistão deste ano. São os casos dos zagueiros Rayan (ex-Ferroviária) e Luizão (ex-Santo André), do lateral-esquerdo Ernandes, dos volantes Neto Moura e Luís Oyama e do meio-campista Camilo - os quatro últimos defenderam o Mirassol.

Últimos reforços confirmados pela diretoria executiva, Moisés e Osman também podem estar fora de combate nos dois últimos jogos da fase de grupos.

O primeiro desembarca em Campinas apenas em 20 de julho, um dia depois de encerrar a participação no Campeonato Catarinense pelo Concórdia - o Paulistão está programado para ser retomado no dia 22.

Osman, por sua vez, não entra em campo desde agosto de 2019 em decorrência de grave lesão no joelho. Longe da forma física ideal, atacante não deve reunir condições de enfrentar Novorizontino (casa) e Mirassol (fora).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ponte pode ter todos os reforços indisponíveis no reinício do Paulistão


10/07/2020 | 15:48


Após reunião por videoconferência com a FPF, a Ponte Preta corre risco de não ter nenhum dos oito reforços oficializados durante a pandemia do novo coronavírus no reinício do Campeonato Paulista.

Por determinação da entidade máxima, definiu-se pelo cumprimento integral do artigo 21 do Regulamento Geral de Competições, o qual determina que o atleta só pode defender apenas um clube, independente da série de disputa, no Estadual.

Desta forma, o técnico João Brigatti fica impossibilitado de escalar seis jogadores, contratados após bom desempenho no Paulistão deste ano. São os casos dos zagueiros Rayan (ex-Ferroviária) e Luizão (ex-Santo André), do lateral-esquerdo Ernandes, dos volantes Neto Moura e Luís Oyama e do meio-campista Camilo - os quatro últimos defenderam o Mirassol.

Últimos reforços confirmados pela diretoria executiva, Moisés e Osman também podem estar fora de combate nos dois últimos jogos da fase de grupos.

O primeiro desembarca em Campinas apenas em 20 de julho, um dia depois de encerrar a participação no Campeonato Catarinense pelo Concórdia - o Paulistão está programado para ser retomado no dia 22.

Osman, por sua vez, não entra em campo desde agosto de 2019 em decorrência de grave lesão no joelho. Longe da forma física ideal, atacante não deve reunir condições de enfrentar Novorizontino (casa) e Mirassol (fora).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;