Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 12 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santo André vence jogo treino contra a Portuguesa

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Thiago Bassan
Do Diário do Grande ABC

03/06/2012 | 07:00


Com atuação destacada do atacante William Xavier, que encheu o técnico Claudemir Peixoto de expectativa, o Santo André venceu a Portuguesa ontem, por 4 a 2, no Centro de Treinamento do Parque Ecológico do Tietê. O jogador marcou três gols e deixou a torcida andreense com boa perspectiva sobre sua volta definitiva aos gramados.

Na primeira etapa, o treinador andreense escalou a equipe titular, formada por Marcelo Bonan; Alex, Júnior Paulista, Luiz Paulo e Raul; Marcelo, Batata, Djalma e Bady; Vitor Hugo e William Xavier. E os jogadores deram conta do recado. Logo no início, Bady tocou para William Xavier fazer 1 a 0.

Impondo bastante velocidade, o Ramalhão conseguiu o segundo gol, novamente com William. Mas a Portuguesa reagiu. Ricardo Jesus, em bela jogada, diminuiu: 2 a 1.

Antes do fim da primeira etapa, a Lusa conseguiu o empate em lance bastante contestado pelos andreenses. Ananias caiu na área após dividida com a defesa e o juiz marcou pênalti. Ricardo Jesus bateu no canto esquerdo de Marcelo Bonan e empatou: 2 a 2.

Para a segunda etapa, Claudemir deu oportunidade a alguns reservas. Os titulares que ficaram em campo corresponderam, como foi o caso de William, que marcou seu terceiro gol em jogada rápida pela esquerda. No fim, Arthur lançou Vinicius Ramos desde o campo de defesa, o atacante avançou e marcou o último: 4 a 2.

Destaque da equipe no duelo, principalmente pela armação de jogadas, o meia Bady mostrou-se bastante ambientado no novo clube. Considerado o maestro da equipe, o jogador emprestado pelo rival São Bernardo deve ser o responsável pela armação das jogadas ao lado de Djalma.

"Nossa equipe se portou bem, conseguimos ir melhor do que nos outros jogos que fizemos. Estamos melhorando e nos fortalecendo para o início da Série C (do Campeonato Brasileiro). Enfrentar times de qualidade como a Portuguesa fortalece nosso futebol", disse o meia, que estreou pelo Ramalhão no jogo treino diante do Mogi Mirim e também encarou o São Caetano.

A atuação da equipe deixou Claudemir Peixoto bastante satisfeito. "Foi bom teste. O time titular empatou com equipe da Série A. Corrigimos falhas que ficaram evidentes no jogo treino contra o São Caetano, principalmente na parte defensiva, e assim, conseguimos segurar o adversário. Encaramos o jogo como se valesse três pontos, a cobrança funcionou assim e deu resultado", disse o treinador. "Estamos montando equipe que sabe atacar, sem deixar de se preocupar com a marcação", concluiu o comandante andreense.


William marca 3 gols e comemora recuperação

Depois da volta antecipada aos gramados na Série A-2 do Campeonato Paulista, quando quase agravou sua lesão na perna direita, o atacante William Xavier vem mostrando excelente futebol no ataque do Santo André e é apontado como uma das principais armas da equipe para o sucesso na Série C do Campeonato Brasileiro.

Recuperado totalmente das lesões - não apenas as fraturas de tíbia e fíbula, como as decorrentes destas -, o jogador vai reencontrando o futebol que o consagrou no Botafogo de Ribeirão Preto e se mostra pronto para ser a referência da equipe no setor ofensivo.

"Só pelo fato de voltar a jogar e não sentir dores já me sinto aliviado. Retornei precocemente na A-2 (do Campeonato Paulista). No meu segundo jogo voltei a sentir dores, o que já era esperado. Parei, recuperei minha forma física e agora, com maior tempo de preparação, posso render mais. Estou confiante em recuperar meu futebol, com 100% das minhas condições físicas. Falta apenas readquirir ritmo de jogo", afirmou o atacante.

As atuações nos três jogos treinos que a equipe realizou deixaram William bastante confiante com seu desempenho. "Participei de todos os gols que marcamos nos últimos jogos (contra Barueri, Mogi Mirim, São Caetano e Portuguesa). Ora com passes, ou marcando. Estou voltando com força total e espero ajudar meus companheiros. Essa seria a melhor forma de agradecer o apoio que sempre recebi no clube" ressaltou.

Autor de três gols na partida, William comemorou o bom desempenho frente à Lusa. "Tive três oportunidades e fui feliz nas três. O primeiro gol foi bastante bonito, acertei chute no ângulo, mas todos tiveram importância", comentou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santo André vence jogo treino contra a Portuguesa

Thiago Bassan
Do Diário do Grande ABC

03/06/2012 | 07:00


Com atuação destacada do atacante William Xavier, que encheu o técnico Claudemir Peixoto de expectativa, o Santo André venceu a Portuguesa ontem, por 4 a 2, no Centro de Treinamento do Parque Ecológico do Tietê. O jogador marcou três gols e deixou a torcida andreense com boa perspectiva sobre sua volta definitiva aos gramados.

Na primeira etapa, o treinador andreense escalou a equipe titular, formada por Marcelo Bonan; Alex, Júnior Paulista, Luiz Paulo e Raul; Marcelo, Batata, Djalma e Bady; Vitor Hugo e William Xavier. E os jogadores deram conta do recado. Logo no início, Bady tocou para William Xavier fazer 1 a 0.

Impondo bastante velocidade, o Ramalhão conseguiu o segundo gol, novamente com William. Mas a Portuguesa reagiu. Ricardo Jesus, em bela jogada, diminuiu: 2 a 1.

Antes do fim da primeira etapa, a Lusa conseguiu o empate em lance bastante contestado pelos andreenses. Ananias caiu na área após dividida com a defesa e o juiz marcou pênalti. Ricardo Jesus bateu no canto esquerdo de Marcelo Bonan e empatou: 2 a 2.

Para a segunda etapa, Claudemir deu oportunidade a alguns reservas. Os titulares que ficaram em campo corresponderam, como foi o caso de William, que marcou seu terceiro gol em jogada rápida pela esquerda. No fim, Arthur lançou Vinicius Ramos desde o campo de defesa, o atacante avançou e marcou o último: 4 a 2.

Destaque da equipe no duelo, principalmente pela armação de jogadas, o meia Bady mostrou-se bastante ambientado no novo clube. Considerado o maestro da equipe, o jogador emprestado pelo rival São Bernardo deve ser o responsável pela armação das jogadas ao lado de Djalma.

"Nossa equipe se portou bem, conseguimos ir melhor do que nos outros jogos que fizemos. Estamos melhorando e nos fortalecendo para o início da Série C (do Campeonato Brasileiro). Enfrentar times de qualidade como a Portuguesa fortalece nosso futebol", disse o meia, que estreou pelo Ramalhão no jogo treino diante do Mogi Mirim e também encarou o São Caetano.

A atuação da equipe deixou Claudemir Peixoto bastante satisfeito. "Foi bom teste. O time titular empatou com equipe da Série A. Corrigimos falhas que ficaram evidentes no jogo treino contra o São Caetano, principalmente na parte defensiva, e assim, conseguimos segurar o adversário. Encaramos o jogo como se valesse três pontos, a cobrança funcionou assim e deu resultado", disse o treinador. "Estamos montando equipe que sabe atacar, sem deixar de se preocupar com a marcação", concluiu o comandante andreense.


William marca 3 gols e comemora recuperação

Depois da volta antecipada aos gramados na Série A-2 do Campeonato Paulista, quando quase agravou sua lesão na perna direita, o atacante William Xavier vem mostrando excelente futebol no ataque do Santo André e é apontado como uma das principais armas da equipe para o sucesso na Série C do Campeonato Brasileiro.

Recuperado totalmente das lesões - não apenas as fraturas de tíbia e fíbula, como as decorrentes destas -, o jogador vai reencontrando o futebol que o consagrou no Botafogo de Ribeirão Preto e se mostra pronto para ser a referência da equipe no setor ofensivo.

"Só pelo fato de voltar a jogar e não sentir dores já me sinto aliviado. Retornei precocemente na A-2 (do Campeonato Paulista). No meu segundo jogo voltei a sentir dores, o que já era esperado. Parei, recuperei minha forma física e agora, com maior tempo de preparação, posso render mais. Estou confiante em recuperar meu futebol, com 100% das minhas condições físicas. Falta apenas readquirir ritmo de jogo", afirmou o atacante.

As atuações nos três jogos treinos que a equipe realizou deixaram William bastante confiante com seu desempenho. "Participei de todos os gols que marcamos nos últimos jogos (contra Barueri, Mogi Mirim, São Caetano e Portuguesa). Ora com passes, ou marcando. Estou voltando com força total e espero ajudar meus companheiros. Essa seria a melhor forma de agradecer o apoio que sempre recebi no clube" ressaltou.

Autor de três gols na partida, William comemorou o bom desempenho frente à Lusa. "Tive três oportunidades e fui feliz nas três. O primeiro gol foi bastante bonito, acertei chute no ângulo, mas todos tiveram importância", comentou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;