Fechar
Publicidade

Sábado, 11 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Falha no freio pode ter causado acidente que matou 22 em MG


Do Diário OnLine

17/12/2003 | 19:27


Um problema nos freios pode ter sido a causa do acidente com um ônibus de turismo que deixou 22 mortos e mais de 40 feridos, na tarde de terça-feira, na rodovia MG-367, entre os municípios de Couto Magalhães e Diamantina, em Minas Gerais.

A Polícia Militar já identificou três vítimas fatais: Gilberto Gomes Pereira, Rosilma Barbosa Souza e Karen Barbosa Souza, de um ano. Entre os feridos, 36 continuam internados no Hospital de Diamantina e quatro foram transferidos para o Hospital João XIII Belo Horizonte.

As causas do acidente ainda não foram determinadas mas, segundo testemunhas, o ônibus perdeu o freio ao entrar em uma curva. O motorista Francisco Alex Fabiano de Melo teria tentado desviar de uma carreta, que estava parada na pista, com defeito mecânico. Nesse momento, ele perdeu o controle do veículo e não conseguiu fazer a curva à direita, caindo no abismo. O motorista está internado em estado grave.

O ônibus, que estaria fazendo transporte irregular de passageiros, partiu da Água Rasa (capital paulista), mas parou em diversos locais — o que é proibido para veículos que fazem excursões. As pessoas pagaram R$ 150 pela viagem, que terminaria em Fortaleza (Ceará). O veículo pertence à empresa Wilter Turismo, com sede em Pirassununga (interior de São Paulo).

Blitz — Na manhã de terça-feira, uma força-tarefa fez uma operação para coibir o transporte turístico ilegal em São Paulo. Foram apreendidos pelo menos dez ônibus irregulares que levariam passageiros para outros Estados e para a Bolívia e Paraguai.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Falha no freio pode ter causado acidente que matou 22 em MG

Do Diário OnLine

17/12/2003 | 19:27


Um problema nos freios pode ter sido a causa do acidente com um ônibus de turismo que deixou 22 mortos e mais de 40 feridos, na tarde de terça-feira, na rodovia MG-367, entre os municípios de Couto Magalhães e Diamantina, em Minas Gerais.

A Polícia Militar já identificou três vítimas fatais: Gilberto Gomes Pereira, Rosilma Barbosa Souza e Karen Barbosa Souza, de um ano. Entre os feridos, 36 continuam internados no Hospital de Diamantina e quatro foram transferidos para o Hospital João XIII Belo Horizonte.

As causas do acidente ainda não foram determinadas mas, segundo testemunhas, o ônibus perdeu o freio ao entrar em uma curva. O motorista Francisco Alex Fabiano de Melo teria tentado desviar de uma carreta, que estava parada na pista, com defeito mecânico. Nesse momento, ele perdeu o controle do veículo e não conseguiu fazer a curva à direita, caindo no abismo. O motorista está internado em estado grave.

O ônibus, que estaria fazendo transporte irregular de passageiros, partiu da Água Rasa (capital paulista), mas parou em diversos locais — o que é proibido para veículos que fazem excursões. As pessoas pagaram R$ 150 pela viagem, que terminaria em Fortaleza (Ceará). O veículo pertence à empresa Wilter Turismo, com sede em Pirassununga (interior de São Paulo).

Blitz — Na manhã de terça-feira, uma força-tarefa fez uma operação para coibir o transporte turístico ilegal em São Paulo. Foram apreendidos pelo menos dez ônibus irregulares que levariam passageiros para outros Estados e para a Bolívia e Paraguai.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;