Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 29 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Dólar recua em meio a um leve apetite por risco antes do Fed

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


29/07/2020 | 09:41


O dólar opera em baixa nesta quarta-feira, 29, acompanhando a tendência no exterior. Com a agenda local mais fraca, os investidores estão em compasso de espera pelo desfecho da reunião do Federal Reserve (15h), com coletiva do seu presidente, Jerome Powell (15h30). A expectativa é de que a autoridade monetária reitere sua postura "dovish", dando continuidade os estímulos pelo tempo que perdurar a crise gerada pela pandemia de coronavírus.

No câmbio, a cotação do dólar à vista está igual ou levemente acima do valor do dólar futuro de agosto, em meio a rolagens de contratos nesta véspera de definição da Ptax referencial do fim de julho, na quinta-feira.

Jefferson Rugik, diretor da corretora Correparti, atribui a queda da moeda americana ao apetite dos investidores por ativos de risco, mesmo que de forma comedida. Para ele, os valores à vista e futuro estão bem próximos em função do final de mês e das rolagens de contratos no mercado futuro. Rugik comenta que o volume tem sido fraco nos negócios à vista, enquanto a movimentação no mercado futuro tem sido mais intensa.

Às 9h28, o dólar à vista caía 0,62%, a R$ 5,12500, enquanto o dólar para agosto recuava 0,48%, a R$ 5,12553.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dólar recua em meio a um leve apetite por risco antes do Fed


29/07/2020 | 09:41


O dólar opera em baixa nesta quarta-feira, 29, acompanhando a tendência no exterior. Com a agenda local mais fraca, os investidores estão em compasso de espera pelo desfecho da reunião do Federal Reserve (15h), com coletiva do seu presidente, Jerome Powell (15h30). A expectativa é de que a autoridade monetária reitere sua postura "dovish", dando continuidade os estímulos pelo tempo que perdurar a crise gerada pela pandemia de coronavírus.

No câmbio, a cotação do dólar à vista está igual ou levemente acima do valor do dólar futuro de agosto, em meio a rolagens de contratos nesta véspera de definição da Ptax referencial do fim de julho, na quinta-feira.

Jefferson Rugik, diretor da corretora Correparti, atribui a queda da moeda americana ao apetite dos investidores por ativos de risco, mesmo que de forma comedida. Para ele, os valores à vista e futuro estão bem próximos em função do final de mês e das rolagens de contratos no mercado futuro. Rugik comenta que o volume tem sido fraco nos negócios à vista, enquanto a movimentação no mercado futuro tem sido mais intensa.

Às 9h28, o dólar à vista caía 0,62%, a R$ 5,12500, enquanto o dólar para agosto recuava 0,48%, a R$ 5,12553.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;