Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Restaurante é processado por servir carne com Viagra


Do Diário do Grande ABC

19/10/1999 | 13:16


O proprietário de um restaurante de Thonon-les-Bains (Leste da França), Jean-Louis Galland, terá de comparecer nesta quarta-feira ante um tribunal por ter proposto em seu cardápio, em agosto do ano passado, um "picadinho de carne com molho de Viagra". O homem será julgado por "falsificaçao de alimentos".

Jean-Louis Galland nega ter tentado enganar seus fregueses. "Querem fazer um escândalo do que foi apenas uma brincadeira", declarou à imprensa.

Nos momentos em que o medicamento contra a impotência ainda nao estava autorizado na França, Galland, que adquiria o Viagra na Suíça, propôs a seus fregueses um cardápio com a famosa pílula.

Sua iniciativa aumentou a clientela do restaurante, mas atraiu também os funcionários da Direçao do Consumo e da Repressao de Fraudes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Restaurante é processado por servir carne com Viagra

Do Diário do Grande ABC

19/10/1999 | 13:16


O proprietário de um restaurante de Thonon-les-Bains (Leste da França), Jean-Louis Galland, terá de comparecer nesta quarta-feira ante um tribunal por ter proposto em seu cardápio, em agosto do ano passado, um "picadinho de carne com molho de Viagra". O homem será julgado por "falsificaçao de alimentos".

Jean-Louis Galland nega ter tentado enganar seus fregueses. "Querem fazer um escândalo do que foi apenas uma brincadeira", declarou à imprensa.

Nos momentos em que o medicamento contra a impotência ainda nao estava autorizado na França, Galland, que adquiria o Viagra na Suíça, propôs a seus fregueses um cardápio com a famosa pílula.

Sua iniciativa aumentou a clientela do restaurante, mas atraiu também os funcionários da Direçao do Consumo e da Repressao de Fraudes.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;