Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Tricolor pega o Bugre com nova dupla de ataque


Fernando Cappelli
com Agências

28/01/2009 | 07:00


O técnico Muricy Ramalho escondeu boa parte do treino do São Paulo ontem, mas revelou a escalação que pretende colocar em campo na partida contra o Guarani, nesta quarta-feira, às 22h, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Depois de uma hora e meia de treino secreto, o comandante são-paulino permitiu a abertura dos portões do CT e não escondeu a movimentação em que testou os 11 titulares.

Na sequência do rodízio adotado para o torneio, Muricy escalou uma nova dupla de ataque, com Borges e Washington. Será a primeira vez que os dois atuarão juntos no sistema ofensivo do Tricolor.

Já Dagoberto, que entrou no decorrer do duelo contra a Portuguesa, deverá ser poupado do jogo. Outra mudança será a volta de Jorge Wagner entre os titulares, levando Junior César para o banco de reservas. O meio-campista Arouca também perdeu a vaga, pois Hugo foi recuado à sua posição de origem por conta da volta de Borges ao ataque.

Durante o treino secreto, Muricy testou o posicionamento da nova equipe titular. Já quando liberou a presença de jornalistas, colocou o time principal para treinar apenas jogadas de bola parada. O treinador só proibiu que fossem feitas imagens.

Sem contar com Rogério Ceni, vetado pelo departamento médico, o técnico confirmou a entrada de Bosco, que se recuperou de contusão na panturrilha. O garoto Denis, por sua vez, volta para o banco.

Jejum - Com duas vitórias consecutivas no Paulistão (Portuguesa e Ituano), o Guarani carrega um incômodo jejum contra o São Paulo, de quem não ganha há 12 anos no Estadual. A última vitória aconteceu em 1997, quando fez 2 a 0 em Campinas. Desde então, foram 20 jogos, com 14 vitórias são-paulinas e seis empates.

Sem desfalques, o Bugre terá novamente Cléverson como companheiro de ataque de Fernando Gaúcho. O recém-contratado Amoroso deve ficar, no máximo, no banco de reservas. A documentação foi regularizada, mas ele se recupera de uma contusão muscular e tem poucas chances de atuar.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;