Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 17 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Cenário externo instável e fiscal interno limitam alta do Ibovespa



27/06/2022 | 10:52


O Ibovespa tem dificuldade em defender o nível dos 100 mil pontos retomado mais cedo, principalmente na esteira de ações ligadas a commodities. A abertura em alta moderada das bolsas americanas, seguida de queda, limita o índice Bovespa de avançar mais, após dados fortes de atividade dos Estados Unidos.

As encomendas de bens duráveis dos EUA subiram 0,7% em maio ante abril, acima da expectativa de 0,2%. Em tese, reforça a estimativa de um Fed mais agressivo na condução dos juros, como defendeu a presidente do Fed de São Francisco, Mary Daly, ao considerar outra alta de 75 pontos-base nos juros básicos. Algumas bolsas europeias também passaram a cair.

A valorização do Ibovespa é amparada nas ações ligadas a commodities, apesar do recuo (moderado) do petróleo no exterior. O minério de ferro, por sua vez, subiu 4,17% no porto chinês de Qingdao, a US$ 120,25 a tonelada, em meio a notícias de reabertura de Xangai, após alivio da covid-19.

Nesse ambiente, o índice Bovespa pode reduzir um pouco a queda nesta última semana de junho, quando acumula perda mensal de 10,32%. Na sexta-feira, o indicador da B3 não conseguiu acompanhar com afinco a valorização em Nova York. O Ibovespa subiu apenas 0,60%, fechando aos .98.672,26 pontos, em meio a crescentes temores fiscais, o que continua no radar dos investidores.

Como avalia o economista Álvaro Bandeira, seria interessante o índice Bovespa ultrapassar o nível dos 100 mil pontos para mirar novamente a marca de 103 mil pontos. Assim, explica em nota, o mercado pode adquirir maior tração. No entanto, pondera, o "clima segue tenso com aumento do risco Brasil e o ambiente fiscal, que gera grande preocupação, e o mundo convive com percepção maior de estagflação", cita.

De acordo com o Itaú BBA, em meio ao cenário mais desafiador para as ações brasileiras, a projeção para o Ibovespa foi reduzida de 115 mil pontos para 110 mil pontos no fim de 2022.

A agenda de indicadores aqui e no exterior é um pouco menos volumosa, o que pode favorecer o cenário um pouco melhor. "Temos notados nos últimos dias e hoje um rali internacional. Ajuda o fato de a agenda ser leve. Todo mundo de olho na reabertura da economia chinesa, o que pode sustentar alta nas bolsas", descreve em comentário matinal o economista-chefe do BV, Roberto Padovani. No entanto, pondera o economista, no Brasil, há ainda muito ruído em torno do tema dos combustíveis.

Hoje, por exemplo, o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, afirmou que o Estado está aplicando imediatamente a redução da alíquota de ICMS da gasolina de 25% para 18%, o que gerará perdas na arrecadação. O anúncio vem após o presidente Jair Bolsonaro sancionar, na sexta-feira, o teto na cobrança do imposto estadual sobre os combustíveis.

Fica ainda no radar a decisão do presidente Bolsonaro de suspender o reajuste para funcionários da Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Departamento Penitenciário (Depen) porque outras categorias que não aceitaram o aumento para esses setores do funcionalismo "parariam o Brasil". Ainda deve ser monitorada nova pesquisa sobre intenção de votos nesta eleição.

A quinta rodada da pesquisa do Instituto FSB Pesquisa, encomendada pelo BTG Pactual e divulgada hoje, mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua liderando a corrida presidencial com 43% das intenções de voto, oscilando um ponto porcentual para baixo com relação à mostra anterior de maio, onde pontuou 44%.

Às 10h44, o Ibovespa subia 1,20%, aos 99.852,10 pontos, após subir à máxima aos 100.133,16 pontos, com alta de 1,48%. Petrobras subia em torno de 3%, bem como Vale.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;