Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 29 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Campanha promove valorização da medicina de família

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Mobilização é parceria entre a entidade de classe que representa o setor no Brasil e a organização mundial Wonca


Do Diário do Grande ABC

19/05/2022 | 19:03


A medicina de família e comunidade tem registrado crescimento no Brasil – a especialidade teve aumento de 30% em dois anos, segundo a pesquisa Demografia Médica 2020, do CFM (Conselho Federal de Medicina) – e é a área mais capacitada para prestar a atenção humanizada aos pacientes. Hoje o país tem cerca de 10 mil médicos e médicas de família e comunidade.

Para marcar o Dia Mundial da Médica e do Médico de Família e Comunidade – celebrado em19 de maio –, a Wonca (Organização Mundial de Médicos de Família, na sigla em inglês) e a SBMFC (Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade) lançam a campanha deste ano de valorização desses profissionais.

A data, estabelecida em 2010, é a "oportunidade perfeita para celebrarmos aquelas e aqueles que prestam cuidados de saúde pessoais, abrangentes e contínuos para toda a população, e as contribuições especiais das equipes de cuidados primários em todo o mundo", defende a organização internacional.

O lema da campanha deste ano é: "Médica e Médico de Família e Comunidade, Sempre Perto para Cuidar!". “Somos nós que avaliamos todas as necessidades de saúde das pessoas”, diz a presidente da SBMFC, Zeliete Zambon. Os profissionais de medicina de família e comunidade, explica, cuidam de problemas de saúde de todo tipo, em pacientes de qualquer idade ou gênero.

Se houver necessidade do médico encaminhar a pessoa a um especialista, o profissional continua a acompanhar toda a trajetória do paciente ao longo do tratamento que eventualmente tenha que seguir. Zeliete ressalta que o médico ou médica de família coordena o trabalho dos especialistas até que a necessidade do paciente tenha sido atendida. Segundo ela, no entanto, o médico de família consegue resolver cerca de 85% das demandas do paciente.

"Sempre", "Perto" e "Cuidado"
A campanha da SBMFC e da Wonca está fundamentada nos três pilares que formam o lema deste ano. O trabalho dos médicos de família se caracteriza pela presença em todos os momentos e pela continuidade do atendimento, segundo a organização. Os cuidados seguem “por todas as fases da vida dos pacientes e no acompanhamento contínuo, articulando-se com outros níveis de atenção e profissionais de saúde.

Além disso, esses profissionais “fazem parte das comunidades com as quais trabalham”, o que cria um com os pacientes um vínculo de confiança. “Ser médica e médico de Família e Comunidade é um privilégio e uma responsabilidade, cuidando sempre das pessoas e providenciando o necessário para o seu bem-estar e proteção”, segundo a Wonca. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;