Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

EC São Bernardo é atropelado pelo Velo Clube e fica com o vice da A-3

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Time do Interior faz três gols no início e mantém jejum de títulos profissionais do Cachorrão


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

16/11/2020 | 17:08


 Não foi desta vez que o EC São Bernardo conseguiu gritar "é campeão" e findar o jejum de 92 anos sem título. Na tarde desta segunda-feira, 16, no Estádio 1° de Maio, o Cachorrão recebeu o Velo Clube para o segundo jogo da final do Campeonato Paulista da Série A-3. Na ida, o time do Interior venceu por 2 a 1. E ontem, apesar do mando de campo, o representante do Grande ABC foi atropelado: 3 a 0 e festa da equipe de Rio Claro, que por sua vez festeja seu primeiro troféu - ambas as equipes já haviam conquistado o acesso à A-2 de 2021.

A expectativa alvinegro era grande. Dono da melhor campanha geral, teve o benefício de decidir o campeonato em casa. Porém, na prática, o EC São Bernardo não soube aproveitar. Isso porque o Velo Clube se impôs, soube ler o posicionamento do Cachorrão, explorou os pontos fracos e se deu bem.

Logo aos seis minutos, Lucas Duni fez grande jogada individual e bateu na saída de Maurício: 1 a 0. Pouco depois, aos nove, Duni novamente chamou para si a responsabilidade, ganhou de Erwin e fuzilou: 2 a 0. Ainda abatido, o Cachorrão sofreu o terceiro aos 22: após escanteio da esquerda, Diogo Henrique subiu para ampliar: 3 a 0.

Daí em diante, a partida virou uma guerra. Mas não entre EC São Bernardo x Velo Clube, mas dos jogadores alvinegros com o árbitro Thiago Lourenço de Mattos. Eram tantas reclamações que o jogo não fluía.

No segundo tempo, quando se esperava outra postura do Cachorrão, a equipe seguia na bronca com a arbitragem. Assim, o adversário ganhava tempo. Chances claras de gol dos são-bernardenses apenas duas, com Luiz Fernando e Iago. Mas pouco para o que o time da casa precisava. Assim, os velistas celebraram em pleno Estádio 1° de Maio o título da Série A-3.

Denis Maciel/DGABC



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

EC São Bernardo é atropelado pelo Velo Clube e fica com o vice da A-3

Time do Interior faz três gols no início e mantém jejum de títulos profissionais do Cachorrão

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

16/11/2020 | 17:08


 Não foi desta vez que o EC São Bernardo conseguiu gritar "é campeão" e findar o jejum de 92 anos sem título. Na tarde desta segunda-feira, 16, no Estádio 1° de Maio, o Cachorrão recebeu o Velo Clube para o segundo jogo da final do Campeonato Paulista da Série A-3. Na ida, o time do Interior venceu por 2 a 1. E ontem, apesar do mando de campo, o representante do Grande ABC foi atropelado: 3 a 0 e festa da equipe de Rio Claro, que por sua vez festeja seu primeiro troféu - ambas as equipes já haviam conquistado o acesso à A-2 de 2021.

A expectativa alvinegro era grande. Dono da melhor campanha geral, teve o benefício de decidir o campeonato em casa. Porém, na prática, o EC São Bernardo não soube aproveitar. Isso porque o Velo Clube se impôs, soube ler o posicionamento do Cachorrão, explorou os pontos fracos e se deu bem.

Logo aos seis minutos, Lucas Duni fez grande jogada individual e bateu na saída de Maurício: 1 a 0. Pouco depois, aos nove, Duni novamente chamou para si a responsabilidade, ganhou de Erwin e fuzilou: 2 a 0. Ainda abatido, o Cachorrão sofreu o terceiro aos 22: após escanteio da esquerda, Diogo Henrique subiu para ampliar: 3 a 0.

Daí em diante, a partida virou uma guerra. Mas não entre EC São Bernardo x Velo Clube, mas dos jogadores alvinegros com o árbitro Thiago Lourenço de Mattos. Eram tantas reclamações que o jogo não fluía.

No segundo tempo, quando se esperava outra postura do Cachorrão, a equipe seguia na bronca com a arbitragem. Assim, o adversário ganhava tempo. Chances claras de gol dos são-bernardenses apenas duas, com Luiz Fernando e Iago. Mas pouco para o que o time da casa precisava. Assim, os velistas celebraram em pleno Estádio 1° de Maio o título da Série A-3.

Denis Maciel/DGABC

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;