Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Cinemas reabrem amanhã no Grande ABC

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Com rigorosas regras sanitárias, salas voltam a receber público depois de sete meses fechadas em razão da pandemia


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

21/10/2020 | 00:01


Salas de cinemas de Santo André, São Bernardo e São Caetano reabrem ao público amanhã, depois de quase sete meses fechadas em razão da pandemia da Covid. A retomada será cheia de regras sanitárias para proteger usuários e trabalhadores. Em Mauá, o retorno deve ocorrer a partir do fim de semana, enquanto que em Diadema não há data definida para que a Prefeitura permita a atividade. Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não possuem cinemas.

A liberação ocorreu depois que as cidades do Grande ABC avançaram para a Fase 4 (verde) do Plano São Paulo, programa de flexibilização da quarentena do governo do Estado, no dia 9. A permissão, porém, depende de cada prefeitura, que precisa publicar decretos reabrindo os espaços e definindo as regras para a utilização.

A rede Cinemark, por enquanto, só vai reabrir duas unidades das quatro que tem na região, a do Grand Plaza Shopping, em Santo André, e a do ParkShopping São Caetano. Em São Bernardo, a rede Cinépolis retoma as atividades no São Bernardo Plaza Shopping. A rede PlayArte abre as salas do Shopping ABC (Santo André), as do Metrópole (São Bernardo), mas mantém as do Shopping Praça da Moça (Diadema) fechadas.

As regras são rigorosas e comuns a todas as operadoras, desde a capacidade permitida de 60% de cada sala, até a higienização de áreas que são tocadas pelos usuários após cada sessão, além de disponibilização de álcool gel e cuidar para que todos mantenham distância mínima de 1,5 metro. Uma das principais novidades está na bilheteria. Os consumidores precisam comprar os ingressos pelo site ou pelo aplicativo. A rede Cinemark oferece ainda opção de adquirir o bilhete scaneando QR Code diretamente nas comunicações do cinema sem pagar taxas adicionais. Haverá apenas um caixa da bilheteria aberto, para pagamentos em dinheiro. O valor dos ingressos varia de rede para rede, mas parte de R$ 24 (inteira).

Para a reabertura, as redes programaram estreias, como o drama 40 dias – O milagre da Vida, o terror A Ilha da Fantasia e o lançamento do drama A Verdadeira História de Ned Kelly. Os usuários também encontram clássicos como Divertidamente.

“Nós nos preparamos, durante todo esse tempo, para reencontrar o nosso público com toda a segurança necessária. Nossos protocolos foram pensados e desenhados em detalhes, buscando a segurança e o bem-estar dos nossos clientes e colaboradores”, garantiu o presidente da rede Cinemark, Marcelo Bertini.

OUTROS ESPAÇOS
Além de cinemas, os decretos municipais permitem a retomada de teatros e casas de espetáculos por até 12 horas por dia. Em Santo André, São Bernardo e São Caetano, por exemplo, estão liberados espaços administrados pela iniciativa privada.

A Prefeitura de São Bernardo informou que iniciou ontem agendamentos para atividades culturais em teatros municipais e que a reabertura destes equipamentos está marcada para o dia 10 de novembro. Em Santo André, a administração disse, em nota, que a “Secretaria de Cultura estuda reabertura gradual dos equipamentos públicos, mas ainda sem data definida”.

A fiscalização do cumprimento das normas para que os espaços continuem abertos será feita pelas equipes das vigilâncias sanitárias das prefeituras.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cinemas reabrem amanhã no Grande ABC

Com rigorosas regras sanitárias, salas voltam a receber público depois de sete meses fechadas em razão da pandemia

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

21/10/2020 | 00:01


Salas de cinemas de Santo André, São Bernardo e São Caetano reabrem ao público amanhã, depois de quase sete meses fechadas em razão da pandemia da Covid. A retomada será cheia de regras sanitárias para proteger usuários e trabalhadores. Em Mauá, o retorno deve ocorrer a partir do fim de semana, enquanto que em Diadema não há data definida para que a Prefeitura permita a atividade. Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra não possuem cinemas.

A liberação ocorreu depois que as cidades do Grande ABC avançaram para a Fase 4 (verde) do Plano São Paulo, programa de flexibilização da quarentena do governo do Estado, no dia 9. A permissão, porém, depende de cada prefeitura, que precisa publicar decretos reabrindo os espaços e definindo as regras para a utilização.

A rede Cinemark, por enquanto, só vai reabrir duas unidades das quatro que tem na região, a do Grand Plaza Shopping, em Santo André, e a do ParkShopping São Caetano. Em São Bernardo, a rede Cinépolis retoma as atividades no São Bernardo Plaza Shopping. A rede PlayArte abre as salas do Shopping ABC (Santo André), as do Metrópole (São Bernardo), mas mantém as do Shopping Praça da Moça (Diadema) fechadas.

As regras são rigorosas e comuns a todas as operadoras, desde a capacidade permitida de 60% de cada sala, até a higienização de áreas que são tocadas pelos usuários após cada sessão, além de disponibilização de álcool gel e cuidar para que todos mantenham distância mínima de 1,5 metro. Uma das principais novidades está na bilheteria. Os consumidores precisam comprar os ingressos pelo site ou pelo aplicativo. A rede Cinemark oferece ainda opção de adquirir o bilhete scaneando QR Code diretamente nas comunicações do cinema sem pagar taxas adicionais. Haverá apenas um caixa da bilheteria aberto, para pagamentos em dinheiro. O valor dos ingressos varia de rede para rede, mas parte de R$ 24 (inteira).

Para a reabertura, as redes programaram estreias, como o drama 40 dias – O milagre da Vida, o terror A Ilha da Fantasia e o lançamento do drama A Verdadeira História de Ned Kelly. Os usuários também encontram clássicos como Divertidamente.

“Nós nos preparamos, durante todo esse tempo, para reencontrar o nosso público com toda a segurança necessária. Nossos protocolos foram pensados e desenhados em detalhes, buscando a segurança e o bem-estar dos nossos clientes e colaboradores”, garantiu o presidente da rede Cinemark, Marcelo Bertini.

OUTROS ESPAÇOS
Além de cinemas, os decretos municipais permitem a retomada de teatros e casas de espetáculos por até 12 horas por dia. Em Santo André, São Bernardo e São Caetano, por exemplo, estão liberados espaços administrados pela iniciativa privada.

A Prefeitura de São Bernardo informou que iniciou ontem agendamentos para atividades culturais em teatros municipais e que a reabertura destes equipamentos está marcada para o dia 10 de novembro. Em Santo André, a administração disse, em nota, que a “Secretaria de Cultura estuda reabertura gradual dos equipamentos públicos, mas ainda sem data definida”.

A fiscalização do cumprimento das normas para que os espaços continuem abertos será feita pelas equipes das vigilâncias sanitárias das prefeituras.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;