Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Paulo tem queda de número de mortes pela quinta semana consecutiva

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Informação acaba de ser dada pelo governador João Doria, que também anunciou arrecadação de R$ 97 milhões para construção de nova fábrica para Coronavac


Miriam Gimenes

14/09/2020 | 12:44


 Pela quinta semana consecutiva, o estado de São Paulo teve queda no número de mortes ocasionada pela Covid-19. A informação acaba de ser dada pelo governador João Doria (PSDB), em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. A redução no número foi de 8%, entre os dias 5 e 12 de setembro. 

"Estamos com a pandemia controlada no estado, mas é importante dizer que ainda estamos em quarentena. Por isso é importante que todos evitem aglomerações e sigam os protocolos para que estes números continuem caindo. Só conseguiremos voltar a viver como antes quando tivemos a vacina", alertou o secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn. Ele também disse que São Paulo tem 51,1% de ocupação de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), menor índice desde o início da pandemia. 

Doria também anunciou que já foram arrecadados R$ 97 milhões da iniciativa privada, montante que será utilizado para construir a fábrica do Instituto Butantan, cujas obras deverão ter início no dia 1º de novembro. "Estamos aguardando uma sinalização do governo federal para dobrar a capacidade de produção aqui em São Paulo. O que temos garantido são 61 milhões de doses até março de 2021. Mas com o auxílio federal podemos aumentar estes números", garantiu o governador. O dinheiro já arrecadado ajudará a modernizar, comprar maquinário e aumentar a capacidade da fabricação da Coronavac. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Paulo tem queda de número de mortes pela quinta semana consecutiva

Informação acaba de ser dada pelo governador João Doria, que também anunciou arrecadação de R$ 97 milhões para construção de nova fábrica para Coronavac

Miriam Gimenes

14/09/2020 | 12:44


 Pela quinta semana consecutiva, o estado de São Paulo teve queda no número de mortes ocasionada pela Covid-19. A informação acaba de ser dada pelo governador João Doria (PSDB), em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. A redução no número foi de 8%, entre os dias 5 e 12 de setembro. 

"Estamos com a pandemia controlada no estado, mas é importante dizer que ainda estamos em quarentena. Por isso é importante que todos evitem aglomerações e sigam os protocolos para que estes números continuem caindo. Só conseguiremos voltar a viver como antes quando tivemos a vacina", alertou o secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn. Ele também disse que São Paulo tem 51,1% de ocupação de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), menor índice desde o início da pandemia. 

Doria também anunciou que já foram arrecadados R$ 97 milhões da iniciativa privada, montante que será utilizado para construir a fábrica do Instituto Butantan, cujas obras deverão ter início no dia 1º de novembro. "Estamos aguardando uma sinalização do governo federal para dobrar a capacidade de produção aqui em São Paulo. O que temos garantido são 61 milhões de doses até março de 2021. Mas com o auxílio federal podemos aumentar estes números", garantiu o governador. O dinheiro já arrecadado ajudará a modernizar, comprar maquinário e aumentar a capacidade da fabricação da Coronavac. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;