Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Inter de Milão bate o Milan em clássico e segue com 100% no Campeonato Italiano



21/09/2019 | 18:34


Entre as grandes ligas nacionais da Europa, só dois times conseguiram 100% de aproveitamento até aqui neste início de temporada. Um deles é o Liverpool na Inglaterra. A outra equipe com início perfeito é a Inter de Milão, que neste sábado superou o seu primeiro grande teste no Campeonato Italiano: venceu por 2 a 0 o clássico contra o Milan, no estádio San Siro, pela quarta rodada.

Com 12 pontos, a Inter de Milão lidera de forma isolada com dois à frente da Juventus, que mais cedo derrotou de virada o Verona por 2 a 1, em Turim. O Milan, em mais uma temporada oscilante, ocupa a sexta colocação com a metade da pontuação de seu rival.

O clássico se destacou também pelo que aconteceu fora do campo. Nas tribunas, presenças ilustres do ex-atacantes Ronaldo Fenômeno e Stoichkov, do técnico Fabio Capello e do presidente da Fifa, o suíço Gianni Infantino. Nas torcidas brilharam os gigantescos mosaicos feitos por elas na entrada das equipes para o duelo.

A Inter de Milão dominou todo o primeiro tempo e só não foi para o intervalo em vantagem por conta do árbitro de vídeo, que anulou um gol de D'Ambrosio aos 35 minutos. O VAR apontou uma vantagem mínima do argentino Lautaro Martínez no início da jogada. O atacante acertou uma linda bicicleta, defendida pelo golekiro Donnarumma, e D'Ambrosio marcou no rebote.

Na volta do intervalo, logo aos três minutos, a Inter de Milão conseguiu abrir o placar. Brozovic bateu da entrada da área, a bola desviou em Rafael Leão e enganou Donnarumma. A arbitragem ainda consultou o VAR para ver se Lautaro Martínez estava impedido, mas o argentino não participou do lance.

Com muito mais volume de jogo que o Milan, a Inter de Milão seguiu atacando e foi premiada com mais um gol. Aos 32 minutos, o centroavante belga Romelu Lukaku recebeu cruzamento perfeito de Barella e ampliou de cabeça. O time rubro-negro tentou reagir, mas pouco fez para ameaçar o gol de Handanovic.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Inter de Milão bate o Milan em clássico e segue com 100% no Campeonato Italiano


21/09/2019 | 18:34


Entre as grandes ligas nacionais da Europa, só dois times conseguiram 100% de aproveitamento até aqui neste início de temporada. Um deles é o Liverpool na Inglaterra. A outra equipe com início perfeito é a Inter de Milão, que neste sábado superou o seu primeiro grande teste no Campeonato Italiano: venceu por 2 a 0 o clássico contra o Milan, no estádio San Siro, pela quarta rodada.

Com 12 pontos, a Inter de Milão lidera de forma isolada com dois à frente da Juventus, que mais cedo derrotou de virada o Verona por 2 a 1, em Turim. O Milan, em mais uma temporada oscilante, ocupa a sexta colocação com a metade da pontuação de seu rival.

O clássico se destacou também pelo que aconteceu fora do campo. Nas tribunas, presenças ilustres do ex-atacantes Ronaldo Fenômeno e Stoichkov, do técnico Fabio Capello e do presidente da Fifa, o suíço Gianni Infantino. Nas torcidas brilharam os gigantescos mosaicos feitos por elas na entrada das equipes para o duelo.

A Inter de Milão dominou todo o primeiro tempo e só não foi para o intervalo em vantagem por conta do árbitro de vídeo, que anulou um gol de D'Ambrosio aos 35 minutos. O VAR apontou uma vantagem mínima do argentino Lautaro Martínez no início da jogada. O atacante acertou uma linda bicicleta, defendida pelo golekiro Donnarumma, e D'Ambrosio marcou no rebote.

Na volta do intervalo, logo aos três minutos, a Inter de Milão conseguiu abrir o placar. Brozovic bateu da entrada da área, a bola desviou em Rafael Leão e enganou Donnarumma. A arbitragem ainda consultou o VAR para ver se Lautaro Martínez estava impedido, mas o argentino não participou do lance.

Com muito mais volume de jogo que o Milan, a Inter de Milão seguiu atacando e foi premiada com mais um gol. Aos 32 minutos, o centroavante belga Romelu Lukaku recebeu cruzamento perfeito de Barella e ampliou de cabeça. O time rubro-negro tentou reagir, mas pouco fez para ameaçar o gol de Handanovic.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;