Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

dmais@dgabc.com.br | 4435-8396

Jovens transmitem meningite sem adoecer

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

15/09/2019 | 10:52


Jovens podem transmitir meningite sem adoecer? Sim. Até 23% dos adolescentes e adultos podem ser portadores da bactéria causadora da meningite meningocócica e podem transmiti-la para outras pessoas através da saliva e partículas respiratórias, sem necessariamente desenvolver a doença.

Por isso, embora muitas vezes associada apenas às crianças e aos idosos, a vacinação também é fundamental para os adolescentes. “É primordial vacinar essa faixa etária, não só para proteção individual deles, mas também para diminuir a circulação da bactéria causadora da meningite meningocócica”, alerta Dr. Jessé Alves, gerente médico de vacinas da GSK. Segundo o Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Imunizações, jovens de até 19 anos precisam seguir o esquema recomendado.

Dados de estudo realizado nos Estados Unidos revelam que a maioria dos jovens e pais acredita que a vacinação é importante nesta faixa etária, mas as taxas de cobertura vacinal estão abaixo das metas nacionais e internacionais. Atualmente, a rede pública de saúde e a rede privada disponibilizam aos adolescentes vacinas contra diversas doenças, como meningite meningocócica, hepatites A e B, febre amarela, sarampo, caxumba e rubéola, difteria, tétano, catapora, gripe, além de HPV.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Jovens transmitem meningite sem adoecer

Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

15/09/2019 | 10:52


Jovens podem transmitir meningite sem adoecer? Sim. Até 23% dos adolescentes e adultos podem ser portadores da bactéria causadora da meningite meningocócica e podem transmiti-la para outras pessoas através da saliva e partículas respiratórias, sem necessariamente desenvolver a doença.

Por isso, embora muitas vezes associada apenas às crianças e aos idosos, a vacinação também é fundamental para os adolescentes. “É primordial vacinar essa faixa etária, não só para proteção individual deles, mas também para diminuir a circulação da bactéria causadora da meningite meningocócica”, alerta Dr. Jessé Alves, gerente médico de vacinas da GSK. Segundo o Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Imunizações, jovens de até 19 anos precisam seguir o esquema recomendado.

Dados de estudo realizado nos Estados Unidos revelam que a maioria dos jovens e pais acredita que a vacinação é importante nesta faixa etária, mas as taxas de cobertura vacinal estão abaixo das metas nacionais e internacionais. Atualmente, a rede pública de saúde e a rede privada disponibilizam aos adolescentes vacinas contra diversas doenças, como meningite meningocócica, hepatites A e B, febre amarela, sarampo, caxumba e rubéola, difteria, tétano, catapora, gripe, além de HPV.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;