Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Apresentamos os escritores do Grande ABC


Ademir Medici

07/02/2019 | 07:00


“Assim teria sido o donatário de São Vicente (Martim Afonso de Souza) o primeiro fundador de São Paulo (em 1532), antes de Anchieta (padre José de Anchieta) e de Paiva (padre Manuel de Paiva), estabelecendo uma vila de brancos no local onde se aldeiavam Tibiriçá e sua tribo, nas colinas entre (os rios) Tamanduateí e Anhangabaú, núcleo de que os jesuítas ainda haveriam de encontrar vestígios em janeiro de 1554.”

De um artigo de Affonso de E. Taunay, A Dupla Fundação de São Paulo, publicado na primeira página do Correio Paulistano em 7 de fevereiro de 1919.

Pouco mais de 30 anos depois, Taunay escreveria um livro clássico, editado (em 1953) e reeditado (em 1968) pela Prefeitura de Santo André, sobre João Ramalho e a Vila de Santo André da Borda do Campo. Livro essencial.

***

O programa Memória na TV desta semana, que entra hoje ao ar pelo DGABC TV, focaliza o Núcleo de Escritores do Grande ABC. São 14 autores que se reúnem regularmente há dois anos e meio, numa iniciativa original dos professores Sérgio e Cida Simka. As primeiras reuniões foram na Biblioteca Nair Lacerda, em Santo André; hoje os escritores se reúnem na casa de Edmir Vieira Camargo.

Edmir Camargo é o entrevistado no estúdio do DGABC TV. Ele fala com carinho dos colegas e traz fotos de encontros de todos eles, em quatro blocos.

Narra Edmir Camargo, no programa: “A preocupação central do núcleo é desenvolver o interesse pela literatura. Oficinas literárias são realizadas nas escolas, Também um concurso literário já foi promovido. E uma grande festa aconteceu no Teatro Municipal de Santo André”.

Duas antologias, com vários autores, estão em processo de edição para serem lançadas este ano. Participação coletiva, como a antologia de contos de terror nascida numa noite passada no castelo do músico Robson Miguel, em Ribeirão Pires.

TRILHOS DE TREM
Edmir Camargo nasceu na Vila Assunção e foi criado no bairro Paraíso, em Santo André. O pai trabalhava no Ipiranguinha. A mãe deu à luz a ele em casa. “Bairro Paraíso era um lugar muito especial, isolado. Uma cidadezinha do interior” – rememora o entrevistado.

No eixo da Rua Gamboa havia uma colônia japonesa, que trabalhava na lavoura. Cultivavam agrião, que chegou a ser capa do antigo suplemento agrícola do Estadão. Neste espaço, o menino Edmir localizou trilhos de trens que serviram à estradinha de ferro dos Pujol, que interligava Santo André a São Bernardo.

OS ESCRITORES
Hoje o Núcleo de Escritores do Grande ABC é formado por Alessandra Biral, Aristides Theodoro, Cida Simka, Crisley Ladeia, Edmir Camargo, Erica Martins Silva, Iracema Mendes Régis, Júlia Braz Loro, Keli Braz Moro, Marcelo Smeets, Marlene A. Rúbio, Norma Camargo, Sergio Simka e Sueli Gutierrez.

- O pensamento livre da região: o Núcleo de Escritores do Grande ABC
- Entrevistado: Edmir Vieira Camargo
- No ar pelo DGABC TV
- Sintonizem: www.dgabc.com.br

Interação com Facebook
 

‘A salvação, num diálogo domingueiro’

O cidadão vira as costas, esquece os apelos da salvação. Prefere entregar-se à gula e ao lazer de um banho de piscina no clube. Afinal, de infortúnios, bastam as medidas provisórias.
Da crônica de Guido Fidelis publicada pelo Diário em 7 de fevereiro de 1989. Confiram a íntegra no Facebook da Memória – acessem o endereço acima.

Diário há 30 anos

Terça-feira, 7 de fevereiro de 1989 - ano 31, edição 6982

Manchete – Ato contra Stroessner em Goiás mobiliza até tropas do Exército</CF>. O ditador paraguaio, destituído, passeia pelo jardim da casa em que está em Itumbiara.
Carnaval 89 – Apoteose pode atrair 120 mil pessoas em Santo André. A cidade foi a única do Grande ABC que teve desfile competitivo de escolas de samba.
Obituário – O empresário Alberto Vassoler, 62 anos, sócio-proprietário da Irval Ltda – que fabrica parafusos para a indústria automobilística e está estabelecida há 40 anos em Santo André –, morreu domingo. Foi sepultado no Cemitério da Quarta Parada, em São Paulo.
Artes – Senac patrocina livro com recuperação da arte do comércio entre 1900 e 1930.

Em 7 de fevereiro de...

1919 – Suprimida a baldeação no km 42 e meio da Estrada de Ferro SPR (São Paulo Railway, a Inglesa), entre Ribeirão Pires e Rio Grande (da Serra). Os trens seguem livres.
1969 – Luiz Olivieri é nomeado subprefeito de Utinga, em Santo André. Organizou a Subprefeitura de Utinga e foi seu único subprefeito, até a extinção do cargo.
- Maurício de Castro faz seu primeiro pronunciamento como vereador em São Bernardo: pede a colocação do retrato de sua mãe, Tereza Delta, na galeria dos ex-presidentes da Casa. 

Hoje

- Dia Nacional do Gráfico. Lembra uma greve da categoria ocorrida em São Paulo em 7 de fevereiro de 1923.
- Dia Nacional de Luta dos Povos Indígenas

Santos do Dia

- Coleta de Corbie. Religiosa belga: 1381-1447
- Eugênia Smet
- Ricardo de Toscana

Municípios Brasileiros

Celebram aniversários em 7 de fevereiro:

- Na Bahia, Aratuípe
- Em Sergipe, Propriá

Fonte: IBGE
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Apresentamos os escritores do Grande ABC

Ademir Medici

07/02/2019 | 07:00


“Assim teria sido o donatário de São Vicente (Martim Afonso de Souza) o primeiro fundador de São Paulo (em 1532), antes de Anchieta (padre José de Anchieta) e de Paiva (padre Manuel de Paiva), estabelecendo uma vila de brancos no local onde se aldeiavam Tibiriçá e sua tribo, nas colinas entre (os rios) Tamanduateí e Anhangabaú, núcleo de que os jesuítas ainda haveriam de encontrar vestígios em janeiro de 1554.”

De um artigo de Affonso de E. Taunay, A Dupla Fundação de São Paulo, publicado na primeira página do Correio Paulistano em 7 de fevereiro de 1919.

Pouco mais de 30 anos depois, Taunay escreveria um livro clássico, editado (em 1953) e reeditado (em 1968) pela Prefeitura de Santo André, sobre João Ramalho e a Vila de Santo André da Borda do Campo. Livro essencial.

***

O programa Memória na TV desta semana, que entra hoje ao ar pelo DGABC TV, focaliza o Núcleo de Escritores do Grande ABC. São 14 autores que se reúnem regularmente há dois anos e meio, numa iniciativa original dos professores Sérgio e Cida Simka. As primeiras reuniões foram na Biblioteca Nair Lacerda, em Santo André; hoje os escritores se reúnem na casa de Edmir Vieira Camargo.

Edmir Camargo é o entrevistado no estúdio do DGABC TV. Ele fala com carinho dos colegas e traz fotos de encontros de todos eles, em quatro blocos.

Narra Edmir Camargo, no programa: “A preocupação central do núcleo é desenvolver o interesse pela literatura. Oficinas literárias são realizadas nas escolas, Também um concurso literário já foi promovido. E uma grande festa aconteceu no Teatro Municipal de Santo André”.

Duas antologias, com vários autores, estão em processo de edição para serem lançadas este ano. Participação coletiva, como a antologia de contos de terror nascida numa noite passada no castelo do músico Robson Miguel, em Ribeirão Pires.

TRILHOS DE TREM
Edmir Camargo nasceu na Vila Assunção e foi criado no bairro Paraíso, em Santo André. O pai trabalhava no Ipiranguinha. A mãe deu à luz a ele em casa. “Bairro Paraíso era um lugar muito especial, isolado. Uma cidadezinha do interior” – rememora o entrevistado.

No eixo da Rua Gamboa havia uma colônia japonesa, que trabalhava na lavoura. Cultivavam agrião, que chegou a ser capa do antigo suplemento agrícola do Estadão. Neste espaço, o menino Edmir localizou trilhos de trens que serviram à estradinha de ferro dos Pujol, que interligava Santo André a São Bernardo.

OS ESCRITORES
Hoje o Núcleo de Escritores do Grande ABC é formado por Alessandra Biral, Aristides Theodoro, Cida Simka, Crisley Ladeia, Edmir Camargo, Erica Martins Silva, Iracema Mendes Régis, Júlia Braz Loro, Keli Braz Moro, Marcelo Smeets, Marlene A. Rúbio, Norma Camargo, Sergio Simka e Sueli Gutierrez.

- O pensamento livre da região: o Núcleo de Escritores do Grande ABC
- Entrevistado: Edmir Vieira Camargo
- No ar pelo DGABC TV
- Sintonizem: www.dgabc.com.br

Interação com Facebook
 

‘A salvação, num diálogo domingueiro’

O cidadão vira as costas, esquece os apelos da salvação. Prefere entregar-se à gula e ao lazer de um banho de piscina no clube. Afinal, de infortúnios, bastam as medidas provisórias.
Da crônica de Guido Fidelis publicada pelo Diário em 7 de fevereiro de 1989. Confiram a íntegra no Facebook da Memória – acessem o endereço acima.

Diário há 30 anos

Terça-feira, 7 de fevereiro de 1989 - ano 31, edição 6982

Manchete – Ato contra Stroessner em Goiás mobiliza até tropas do Exército</CF>. O ditador paraguaio, destituído, passeia pelo jardim da casa em que está em Itumbiara.
Carnaval 89 – Apoteose pode atrair 120 mil pessoas em Santo André. A cidade foi a única do Grande ABC que teve desfile competitivo de escolas de samba.
Obituário – O empresário Alberto Vassoler, 62 anos, sócio-proprietário da Irval Ltda – que fabrica parafusos para a indústria automobilística e está estabelecida há 40 anos em Santo André –, morreu domingo. Foi sepultado no Cemitério da Quarta Parada, em São Paulo.
Artes – Senac patrocina livro com recuperação da arte do comércio entre 1900 e 1930.

Em 7 de fevereiro de...

1919 – Suprimida a baldeação no km 42 e meio da Estrada de Ferro SPR (São Paulo Railway, a Inglesa), entre Ribeirão Pires e Rio Grande (da Serra). Os trens seguem livres.
1969 – Luiz Olivieri é nomeado subprefeito de Utinga, em Santo André. Organizou a Subprefeitura de Utinga e foi seu único subprefeito, até a extinção do cargo.
- Maurício de Castro faz seu primeiro pronunciamento como vereador em São Bernardo: pede a colocação do retrato de sua mãe, Tereza Delta, na galeria dos ex-presidentes da Casa. 

Hoje

- Dia Nacional do Gráfico. Lembra uma greve da categoria ocorrida em São Paulo em 7 de fevereiro de 1923.
- Dia Nacional de Luta dos Povos Indígenas

Santos do Dia

- Coleta de Corbie. Religiosa belga: 1381-1447
- Eugênia Smet
- Ricardo de Toscana

Municípios Brasileiros

Celebram aniversários em 7 de fevereiro:

- Na Bahia, Aratuípe
- Em Sergipe, Propriá

Fonte: IBGE
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;