Fechar
Publicidade

Domingo, 18 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sabesp obtém autorização para licitar obras de saneamento em Rio Grande

Expectativa é beneficiar 5.200 moradores de dois bairros do município


Do Diário do Grande ABC

13/06/2018 | 15:58


A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) recebeu aval do governo do Estado para dar início ao processo licitatório de obra que pretende ampliar a coleta e o tratamento de esgoto em Rio Grande da Serra. A expectativa é a de que o empreendimento beneficie diretamente 5.200 moradores dos bairros Parque América e Oásis Paulista, além de ajudar na melhora da qualidade das águas da Represa Billings. A Sabesp estima investir R$ 40,5 milhões no empreendimento, que tem início previsto para novembro.

O trabalho prevê a construção de duas estações de bombeamento de esgoto, além da implantação de 25,5 quilômetros de rede, entre tubulações e coletores-tronco. A meta é que os tubos encaminhem o esgoto gerado pela comunidade às estações de tratamento mantidas pela Sabesp, como é o caso da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) do ABC, na divisa entre São Caetano e a Capital paulista.

Durante os trabalhos, serão gerados, em média, 50 empregos diretos e 250 indiretos.

CONTRATO

O evento de autorização da obra, realizado ontem no Palácio dos Bandeirantes, marcou também a assinatura de revisão contratual entre Rio Grande da Serra e a Sabesp. Em vigor desde 2011, o documento teve seus planos de investimentos e de metas atualizados.

A previsão de investimento da companhia na cidade até 2040 é de R$ 68,3 milhões, sendo R$ 21,2 milhões em abastecimento de água e R$ 47,1 milhões em coleta e tratamento de esgoto.

PRÓ-BILLINGS

Também com o objetivo de melhorar as condições ambientais da represa e de infraestrutura urbana, a Sabesp executa no Grande ABC obras da primeira fase do Programa Pró-Billings. A meta do projeto é coletar e tratar 100% do esgoto do Grande Alvarenga, em São Bernardo, até 2020. Ao fim de todo o processo, 250 mil pessoas serão contempladas pelas melhorias.

A estimativa da companhia de saneamento é a de após a execução das duas fases do programa, 700 mil metros cúbicos de esgoto por mês deixem de ir para a Billings.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;