Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Iraque teria tentado comprar urânio com documentos falsos


Da AFP

09/03/2003 | 20:30


Os inspetores de desarmamento da ONU receberam dos serviços secretos "vários documentos falsos" com os quais o Iraque teria tentado "importar urânio da Nigéria", afirmou o diretor da Agência Internacional da Energia Atômica (Aiea) e uma das autoridades da missão de desarmamento Mohamed ElBaradei, em uma entrevista publicada neste domingo pela imprensa alemã.

"Analisamos estes documentos e chegamos à conclusão de que se tratam de documentos falsos", declarou ElBaradei ao jornal dominical Allgemeine Sonntagszeitung. Ao ser questionado sobre a procedência destes documentos, ElBaradei só disse que "vieram de vários estados", mas não quis dizer os nomes dos países.

"Garantiu que não são os serviços secretos" que falsificam os documentos, explicou o diretor da Aiea. ElBaradei revelou que comentou o assunto com os estados envolvidos e que estes "reconheceram que existiu falsificação". "Mas não sabemos que os falsificou", acrescentou. O trabalho não parece obra de profissionais, pois foi grosseiro.

Entretanto, ElBaradei garantiu que os inspetores não descartam a possibilidade "do Iraque ter tentado importar urânio". "Continuamos nossas investigações e para isto precisamos de tempo. São coisas que podem decidir entre a guerra e a paz. Gostaria de dispor de dois ou três meses para formar uma idéia", afirmou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;