Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Índia e Paquistão querem acabar com confrontos na Caxemira


Das Agências

12/07/2001 | 11:29


Índia e Paquistão, ambas potências nucleares, tentarão no próximo domingo retomar o diálogo para buscar uma solução para o grave conflito da região de Caxemira.

A guerrilha separatista da Caxemira indiana, apoiada por Islamabad, repudiou esta cúpula, que reunirá em Agra, na Índia, o presidente paquistanês, general Pervez Musharraf, e o primeiro-ministro indiano, Atal Behari Vajpayee.

"A porta da esperança de uma aproximação dos dois países sobre a Caxemira pode ser entreaberta em Agra", considerou um diplomata na capital paquistanesa, reconhecendo, contudo, que está mostrando um "otimismo excessivo".

"O fato de voltarem a conversar depois de dois anos de silêncio já é uma boa coisa", adiantou, vendo nesta decisão "o resultado de uma forte pressão dos Estados Unidos, especialmente sobre a Índia".

As relações entre as duas potências nucleares vizinhas foram congeladas desde os violentos combates registrados de maio a julho de 1999 entre o Exército indiano e os "separatistas" infiltrados do Paquistão.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;