Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Edinho é mais um cotado para ser vice de Marinho

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Rogério Santos
Do Diário do Grande ABC

22/02/2012 | 07:26


O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), não demonstra pressa para definir o vice que o acompanhará no projeto de reeleição. Apesar disso, o número de cotados ao posto só aumenta.

O ex-vereador Edinho Montemor (PDT) é o mais novo apontado nos bastidores como forte candidato para acompanhar o petista nas urnas em 7 de outubro.

Com passagem pelo PSB - quando foi candidato a vice de Orlando Morando (PSDB) no pleito majoritário em 2008 - e PPS, Edinho foi alçado ao comando do diretório local do PDT, declarando apoio incondicional ao governo Marinho.

"Isso (ser vice) não passa pela minha cabeça, mas é natural que meu nome seja comentado neste momento. Não tenho essa pretensão e torço para que o prefeito escolha o melhor nome", esquivou-se o pedetista.

Pré-candidato a vereador, o dirigente se diz focado em reconduzir o partido a ocupar assento na Câmara, o que não acontece desde 2004, quando Julieta Nage e Juarez Tudo Azul (hoje no PSDB) representaram o partido naquela legislatura.

INCÓGNITA

As movimentações sobre o vice de Marinho começaram em outubro, quando o forrozeiro Frank Aguiar (PTB) anunciou que não participaria do processo eleitoral, alegando necessidade de tempo para a família e a carreira artística. No fim de janeiro, Frank recuou ao afirmar que está à disposição do prefeito se ele quiser repetir a dobrada vitoriosa estabelecida em 2008.

A partir de então, as especulações sobre o vive que já estavam em curso mesmo sem a polêmica do petebista se intensificaram. Marinho pretende adotar a mesma estratégia da eleição passada, quando ratificou Frank em 30 de junho, último dia do prazo para a definição de chapa partidária.

Para reforçar o mistério, o chefe do Executivo tem dialogado com as legendas que estarão na frente partidária que o apoiará nas urnas, para depois discutir a definição do vice. "Se for chamado para esse debate, vou participar. Mas não vou me oferecer", afirma Edinho.

Alguns cotados para o posto são o próprio Frank, embora o petebista tenha que rediscutir a continuidade, o ex-presidente da Câmara Nelson Campanholo (PSDC), ex-militante do PT na época da fundação da sigla, e os vereadores Antonio Cabrera (PSB) e Tunico Vieira (PMDB), que apesar do discurso de disputar o Paço, seu partido tende a poiar Marinho. Ventila-se também a deputada estadual Ana do Carmo (PT) e o presidente do São Bernardo Futebol Clube, Luiz Fernando Teixeira (PT). Nos corredores do Paço e da Câmara já foram citados também os nomes da ex-primeira-dama do Brasil Marisa Letícia, dos secretários Arthur Chioro (Saúde) e Tarcísio Secolli (Coordenação Governamental) e do presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Sérgio Nobre.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;