Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Paralisação da CPTM e Metrô começa a partir da 0h de amanhã


Daniel Macário
Especial para o Diário

26/05/2015 | 07:00


Funcionários da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e Metrô iniciam greve a partir da 0h de amanhã. A paralisação ocorre após recusa de proposta de reajuste das empresas.

No caso dos trens, ao todo, passageiros de 22 municípios da Grande São Paulo serão afetados. As seis linhas da CPTM transportam diariamente 3 milhões de usuários. Só na região, 204 mil usam o serviço.

A categoria pede reajuste de 7,89%, mais 10% de aumento real, pagamento mínimo de R$ 5.000 de PLR (Participação nos Lucros e Resultados), vale-refeição de R$ 840, vale-alimentação de R$ 400 e auxílio materno-infantil de R$ 500. A CPTM ofereceu 6,65%.

Conforme o vice-presidente do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, Mauricio Alves de Matos, hoje, às 18h, está marcada assembleia caso a companhia apresente nova proposta para análise.

A CPTM disse que pediu junto ao TRT (Tribunal Regional do Trabalho) 2ª Região liminar para garantia da prestação de serviços. O pedido foi deferido parcialmente pelo órgão, que determinou que 90% do efetivo de maquinistas e 70% do contingente de trabalhadores da segurança, manutenção, estações e operação atuem nos horários de pico, entre 4h e 10h e 16h e 21h. Nos demais, a exigência é que 60% dos empregados trabalhem.

Outra categoria que paralisa suas atividades a partir desta quarta-feira são os metroviários. Cerca de 9.800 funcionários deverão aderir à greve.

A Secretaria de Transportes Metropolitanos afirmou que a decisão é ‘arbitrária’. Segundo a Pasta, “a paralisação do sistema metroferroviário prejudicará mais de 7,5 milhões de usuários. A categoria reivindica reajuste salarial de cerca de 17% 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Paralisação da CPTM e Metrô começa a partir da 0h de amanhã

Daniel Macário
Especial para o Diário

26/05/2015 | 07:00


Funcionários da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e Metrô iniciam greve a partir da 0h de amanhã. A paralisação ocorre após recusa de proposta de reajuste das empresas.

No caso dos trens, ao todo, passageiros de 22 municípios da Grande São Paulo serão afetados. As seis linhas da CPTM transportam diariamente 3 milhões de usuários. Só na região, 204 mil usam o serviço.

A categoria pede reajuste de 7,89%, mais 10% de aumento real, pagamento mínimo de R$ 5.000 de PLR (Participação nos Lucros e Resultados), vale-refeição de R$ 840, vale-alimentação de R$ 400 e auxílio materno-infantil de R$ 500. A CPTM ofereceu 6,65%.

Conforme o vice-presidente do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, Mauricio Alves de Matos, hoje, às 18h, está marcada assembleia caso a companhia apresente nova proposta para análise.

A CPTM disse que pediu junto ao TRT (Tribunal Regional do Trabalho) 2ª Região liminar para garantia da prestação de serviços. O pedido foi deferido parcialmente pelo órgão, que determinou que 90% do efetivo de maquinistas e 70% do contingente de trabalhadores da segurança, manutenção, estações e operação atuem nos horários de pico, entre 4h e 10h e 16h e 21h. Nos demais, a exigência é que 60% dos empregados trabalhem.

Outra categoria que paralisa suas atividades a partir desta quarta-feira são os metroviários. Cerca de 9.800 funcionários deverão aderir à greve.

A Secretaria de Transportes Metropolitanos afirmou que a decisão é ‘arbitrária’. Segundo a Pasta, “a paralisação do sistema metroferroviário prejudicará mais de 7,5 milhões de usuários. A categoria reivindica reajuste salarial de cerca de 17% 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;