Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mãe de Willian, meia-atacante da Seleção Brasileira, é enterrada em Mauá


Victor Hugo Storti
Especial para o Diário

14/10/2016 | 07:00


Maria José Borges da Silva, mãe do meia-atacante Willian, da Seleção e do Chelsea, da Inglaterra, foi enterrada, no início da tarde de ontem, no Cemitério Parque Vale dos Pinheirais, no Jardim Primavera, em Mauá. A família mora em Ribeirão Pires.

O jogador, familiares e amigos se despediram em uma cerimônia fechada no cemitério. Dona Zezé, como era conhecida pelos mais próximos, morreu na quarta-feira, após lutar por mais de dois anos contra um câncer na cabeça.

No último jogo da Seleção, Willian marcou o segundo gol na vitória de 2 a 0 sobre a Venezuela e o dedicou à mãe. “O gol de hoje vai para a minha mãe, que está no hospital, para minha esposa, para minhas filhas e para todos os familiares que torcem por mim”, disse na data.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mãe de Willian, meia-atacante da Seleção Brasileira, é enterrada em Mauá

Victor Hugo Storti
Especial para o Diário

14/10/2016 | 07:00


Maria José Borges da Silva, mãe do meia-atacante Willian, da Seleção e do Chelsea, da Inglaterra, foi enterrada, no início da tarde de ontem, no Cemitério Parque Vale dos Pinheirais, no Jardim Primavera, em Mauá. A família mora em Ribeirão Pires.

O jogador, familiares e amigos se despediram em uma cerimônia fechada no cemitério. Dona Zezé, como era conhecida pelos mais próximos, morreu na quarta-feira, após lutar por mais de dois anos contra um câncer na cabeça.

No último jogo da Seleção, Willian marcou o segundo gol na vitória de 2 a 0 sobre a Venezuela e o dedicou à mãe. “O gol de hoje vai para a minha mãe, que está no hospital, para minha esposa, para minhas filhas e para todos os familiares que torcem por mim”, disse na data.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;