Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 22 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

RJ: cadete foi morta por tiro acidental, diz PM


Do Diário OnLine

30/09/2003 | 11:08


A cadete da Polícia Militar do Rio de Janeiro Roberta Fernandes, 17 anos, morreu nesta segunda-feira à noite após ser atingida por um tiro disparado, acidentalmente, por um colega. Segundo o comandante da PM, coronel Renato Hottz, Roberta estava dentro de um micro-ônibus da PM em Deodoro quando ocorreu o acidente.

A assessoria da Secretaria de Segurança Pública do Estado informou que o disparo ocorreu quando os cadetes, que voltavam de um culto evangélico, se assustaram ao cruzar com duas kombis.

Pensando que se tratava de dois bandidos, um policial desceu do carro e atirou para o alto, tentando parar os veículos. Na confusão, a jovem foi atingida. A PM abriu uma sindicância contra o aluno, que responderá por homicídio culposo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;