Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sao Caetano tenta a reabilitaçao pela 1ª vez


Edélcio Cândido
Da Redaçao

27/09/2000 | 00:32


Pela primeira vez no Grupo A do Módulo Amarelo da Copa Joao Havelange, o líder isolado Sao Caetano - 31 pontos ganhos - busca algo pouco habitual: a reabilitaçao diante do Joiniville, nesta quarta às 20h30, em Joinville, Santa Catarina. A derrota de domingo para o América-RJ por 3 a 2, de virada, no Rio, levando à perda de sua invencibilidade na copa, nao abalou nem um pouco o grupo. Os jogadores atribuíram o resultado negativo a um fato "normal" num campeonato, e o técnico Jair Picerni fez palestra de rotina. "A derrota veio num momento bom, podíamos perder. O grupo assimilou tudo, reconheceu falhas, e vamos jogar em Joinville para buscar três pontos", avaliou Picerni.

Classificado por antecipaçao para a próxima fase, o Sao Caetano usará o jogo de hoje mais como um teste para a etapa futura na competiçao. "Ainda temos o Bragantino e o Londrina, e vamos tentar ganhar os nove pontos possíveis. Nao será um tropeço, para o América, que vai mudar o rumo das coisas", disse o goleiro Sílvio Luiz, na terça, antes do embarque para Santa Catarina. O time do Joinville vem de vitória sobre o Brasil (1 a 0), em Pelotas, mas apesar dos apenas 14 pontos ganhos, e em 13º lugar, dificilmente passa à próxima fase.

No Sao Caetano, além de estar de olho no futuro da Copa Joao Havelange, o clube tenta fazer mais bons negócios. Depois de acertar as vendas dos volantes Magrao e Claudecir, o clube ainda sonha em negociar o lateral César para o Palmeiras. César estaria nos planos também da Portuguesa e do Flamengo. O goleiro Sílvio Luiz é outro que teria propostas.

O presidente do Sao Caetano, Nairo Ferreira de Souza, garante que "César ainda é do clube". Nas negociaçoes, o Sao Caetano já conseguiu a liberaçao do estádio do Parque Antártica para mandar os jogos da próxima fase da Joao Havelange - durante a reforma do campo do estádio Anacleto Campanella.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sao Caetano tenta a reabilitaçao pela 1ª vez

Edélcio Cândido
Da Redaçao

27/09/2000 | 00:32


Pela primeira vez no Grupo A do Módulo Amarelo da Copa Joao Havelange, o líder isolado Sao Caetano - 31 pontos ganhos - busca algo pouco habitual: a reabilitaçao diante do Joiniville, nesta quarta às 20h30, em Joinville, Santa Catarina. A derrota de domingo para o América-RJ por 3 a 2, de virada, no Rio, levando à perda de sua invencibilidade na copa, nao abalou nem um pouco o grupo. Os jogadores atribuíram o resultado negativo a um fato "normal" num campeonato, e o técnico Jair Picerni fez palestra de rotina. "A derrota veio num momento bom, podíamos perder. O grupo assimilou tudo, reconheceu falhas, e vamos jogar em Joinville para buscar três pontos", avaliou Picerni.

Classificado por antecipaçao para a próxima fase, o Sao Caetano usará o jogo de hoje mais como um teste para a etapa futura na competiçao. "Ainda temos o Bragantino e o Londrina, e vamos tentar ganhar os nove pontos possíveis. Nao será um tropeço, para o América, que vai mudar o rumo das coisas", disse o goleiro Sílvio Luiz, na terça, antes do embarque para Santa Catarina. O time do Joinville vem de vitória sobre o Brasil (1 a 0), em Pelotas, mas apesar dos apenas 14 pontos ganhos, e em 13º lugar, dificilmente passa à próxima fase.

No Sao Caetano, além de estar de olho no futuro da Copa Joao Havelange, o clube tenta fazer mais bons negócios. Depois de acertar as vendas dos volantes Magrao e Claudecir, o clube ainda sonha em negociar o lateral César para o Palmeiras. César estaria nos planos também da Portuguesa e do Flamengo. O goleiro Sílvio Luiz é outro que teria propostas.

O presidente do Sao Caetano, Nairo Ferreira de Souza, garante que "César ainda é do clube". Nas negociaçoes, o Sao Caetano já conseguiu a liberaçao do estádio do Parque Antártica para mandar os jogos da próxima fase da Joao Havelange - durante a reforma do campo do estádio Anacleto Campanella.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;