Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Williams acerta parceria com a Toyota para temporada 2007


Flavio Gomes De Silverstone
Especial para o Diário

09/07/2005 | 09:35


Está desfeito o mistério. A Williams fechou com a Toyota e vai usar seus motores a partir de 2007, provavelmente com o nome Lexus, marca dos carros de luxo da montadora japonesa. No final desta temporada, acaba de vez a parceria com a BMW, que começou em 2000 com juras de amor de ambos os lados e chegou ao estágio de divórcio litigioso, com trocas de acusações e ofensas entre as partes.

O contrato com a BMW terminaria apenas no final de 2009, mas como os alemães decidiram comprar uma equipe, a Sauber, resolveram deixar a Williams de lado. Os reflexos têm sido sentidos nas últimas corridas, com desempenho medíocre do time azul e branco. Ontem, por exemplo, Webber foi 12º no último treino livre em Silverstone e Heidfeld ficou em 18º, andando no mesmo segundo de Jordan e Minardi.

O casamento com a Toyota só será consagrado em 2007 porque no ano que vem a fábrica não tem como fornecer motores a uma terceira equipe. Os japoneses possuem seu time próprio e têm contrato com a Jordan até o fim de 2006. Assim, no próximo campeonato, a Williams vai usar um motor-tampão, comprado da Cosworth.

A Williams terá um ano de vacas magérrimas, sem apoio oficial de nenhuma montadora. Mas foi a solução encontrada para se livrar da BMW. O sentimento é mútuo. Os alemães, agora, poderão se dedicar exclusivamente ao projeto de transformar a Sauber em um time grande.

As partes envolvidas, Toyota, BMW, Williams e Cosworth, não confirmam os acordos e desacordos. Mas, em alguns meses, serão divulgados os anúncios oficiais, com a pompa e circunstância que a F-1 adora.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Williams acerta parceria com a Toyota para temporada 2007

Flavio Gomes De Silverstone
Especial para o Diário

09/07/2005 | 09:35


Está desfeito o mistério. A Williams fechou com a Toyota e vai usar seus motores a partir de 2007, provavelmente com o nome Lexus, marca dos carros de luxo da montadora japonesa. No final desta temporada, acaba de vez a parceria com a BMW, que começou em 2000 com juras de amor de ambos os lados e chegou ao estágio de divórcio litigioso, com trocas de acusações e ofensas entre as partes.

O contrato com a BMW terminaria apenas no final de 2009, mas como os alemães decidiram comprar uma equipe, a Sauber, resolveram deixar a Williams de lado. Os reflexos têm sido sentidos nas últimas corridas, com desempenho medíocre do time azul e branco. Ontem, por exemplo, Webber foi 12º no último treino livre em Silverstone e Heidfeld ficou em 18º, andando no mesmo segundo de Jordan e Minardi.

O casamento com a Toyota só será consagrado em 2007 porque no ano que vem a fábrica não tem como fornecer motores a uma terceira equipe. Os japoneses possuem seu time próprio e têm contrato com a Jordan até o fim de 2006. Assim, no próximo campeonato, a Williams vai usar um motor-tampão, comprado da Cosworth.

A Williams terá um ano de vacas magérrimas, sem apoio oficial de nenhuma montadora. Mas foi a solução encontrada para se livrar da BMW. O sentimento é mútuo. Os alemães, agora, poderão se dedicar exclusivamente ao projeto de transformar a Sauber em um time grande.

As partes envolvidas, Toyota, BMW, Williams e Cosworth, não confirmam os acordos e desacordos. Mas, em alguns meses, serão divulgados os anúncios oficiais, com a pompa e circunstância que a F-1 adora.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;