Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

A marca registrada de Campos Machado


Beto Silva
Do Diário do Grande ABC

19/03/2015 | 07:00


São muitas as frases de efeito proferidas pelo presidente estadual do PTB, deputado Campos Machado, para exemplificar situações. Já virou marca registrada. Quem nunca ouviu do petebista “palavra dada é flecha lançada”, para dizer que cumpre os acordos feitos? “Lealdade é a cicatriz da alma do político” é outra famosa, que cobra compromisso de aliados. A mais recente declaração de Campos, que pode entrar para esse rol ocorreu ontem, durante sessão da Assembleia Legislativa. “Não sou médico, mas estou preocupado. Impeachment pode ser um remédio que, além de não curar, pode matar o doente”, afirmou o parlamentar, mostrando-se contrário à saída da presidente Dilma Rousseff (PT) do poder. O mandatário do PTB paulista, no entanto, ressaltou que as manifestações contra a petista e seu governo são legítimas. “Toda manifestação organizada e pacífica é bem-vinda, pois pedem melhor Educação, Saúde e Segurança para o País. Além de protestar contra a corrupção que ocorre no Brasil”, frisou Campos, que também é secretário-geral da executiva nacional do partido. Sobre o pedido de impeachment presente nos protestos por todo o País, salientou que a leis que asseguraram a eleição e posse da presidente são as mesmas que, hoje, garantem sua permanência no Palácio do Planalto.

Calma, deputada
A deputada estadual Ana do Carmo (PT) ficou nervosa e com raiva do deputado federal e presidente nacional do Solidariedade, Paulinho da Força. Ele esteve na Assembleia domingo, para prestigiar a posse dos parlamentares, com adesivo ‘Fora Dilma’ no peito. A petista disse que teve vontade de “voar” em cima dele e arrancar o colante.

Sem foto
Por falar em Ana do Carmo, ela não apareceu na foto da bancada regional do PT. Apenas Luiz Turco (Santo André), Barba (São Bernardo) e Luiz Fernando (São Bernardo) posaram para imagens. Será que foi apenas desencontro ou já tem cheirinho de racha interno?

Tal qual Lula
Ainda durante a posse dos deputados estaduais, domingo, Chico Sardelli (PV), que presidia os trabalhos iniciais, chamou os parlamentares para fazerem juramento. Teonílio Monteiro da Costa (PT), ao ser anunciado, fez questão de que fosse acrescentado seu apelido: Barba. “Faz parte do meu nome”, argumentou o petista.

Atividade
Ao contrário da maioria dos partidos, principalmente as executivas municipais das cidades da região, a ala Mulher do PEN de São Caetano promove atividades sociais para manter a legenda ativa. No dia 29 fará quarta edição de bingo beneficente. Cartelas são trocadas por alimentos e produtos de limpeza, que são revertidos a entidades assistenciais, que vão buscar os mantimentos na hora. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;