Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Caetano bate o Guarani e volta a vencer no Anacleto Campanella


Marcelo Monegato
Do Diário OnLine

19/08/2004 | 01:36


Finalmente o São Caetano voltou a vencer diante da sua torcida. Na noite desta quarta-feira, o Azulão goleou o desesperado Guarani por 3 a 0, dentro do estádio Anacleto Campanella, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro 2004. Os gols foram marcados por Marcinho, Triguinho e Euller.

Este foi o primeiro triunfo em São Caetano nos últimos três jogos no Grande ABC. Antes, o clube mergulhou em uma ligeira crise instalada pelos 'Atléticos'. Na 21ª rodada, o Azulão perdeu para o Atlético-PR por 3 a 0. Já na 23ª jornada da competição, o Atlético-MG veio até a região e arrancou um empate (1 a 1).

Com mais este resultado positivo, o atual campeão paulista chegou aos 39 pontos e assumiu a 8ª posição. Já o Bugre vive uma situação completamente desesperadora. Com apenas 23 pontos, o clube de Campinas (SP) é simplesmente o 24ª colocado – mais conhecido como lanterninha. Se o Campeonato Brasileiro acabasse no dia 18 de agosto, o Guarani estaria rebaixado para a Série B de 2005.

Na próxima rodada, a 26ª do certame, o São Caetano terá uma parada indigesta pela frente. O time do Grande ABC viaja até Caxias do Sul para enfrentar o Juventude (4º colocado). A partida acontece domingo, às 16h, no estádio Alfredo Jaconi (RS). No mesmo dia e horário, o Bugre recebe no estádio Brinco de Ouro da Princesa (Campinas-SP) o Vasco da Gama. O jogo promete ser fundamental para as pretensões do Guarani, já que o time carioca não atravessa boa fase e deve se transformar, com o decorrer das rodadas, um sério candidato ao descenso.

'Trator Azul' - Apesar da grande diferença técnica entre os jogadores de São Caetano e Guarani, o técnico visitante, Lori Sandri, conseguiu armar um esquema de marcação forte, que impedia do Azulão se utilizar de suas principais armas ofensivas. No primeiro tempo, as duas equipes marcaram muito e criaram poucas chances de gol.

Já no segundo tempo, o Bugre não resistiu à força dos donos da casa e o 'trator azul' começou a fazer estragos no gramado do estádio Anacleto Campanella. Aos 13 minutos, o clube da região encaixou um belo contra ataque. O pequenino Éder desceu em velocidade pela esquerda e cruzou na área. O também pequenino Marcinho fechava livre no segundo pau e só teve o trabalho de tocar para o fundo das redes de Jean.

O gol fez o Guarani se abrir, o que foi fundamental para o Azulão sacramentar a vitória. Aos 29 minutos, o meia Danilo, que tinha acabado de entrar, percebeu Triguinho fechando na grande área e lançou a bola. O lateral-esquerdo dominou na frente de Jean e fuzilou o goleiro para marcar o segundo tento da noite.

O concretização da goleada aconteceu aos 35 minutos. Depois de uma bate rebate na área do Guarani, a redonda sobrou limpa para o veterano Euller, que teve a calma de dominar, ajeitar e tocar com categoria para o fundo do gol caipira. Fim de jogo: São caetano 3 x 0 Guarani.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano bate o Guarani e volta a vencer no Anacleto Campanella

Marcelo Monegato
Do Diário OnLine

19/08/2004 | 01:36


Finalmente o São Caetano voltou a vencer diante da sua torcida. Na noite desta quarta-feira, o Azulão goleou o desesperado Guarani por 3 a 0, dentro do estádio Anacleto Campanella, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro 2004. Os gols foram marcados por Marcinho, Triguinho e Euller.

Este foi o primeiro triunfo em São Caetano nos últimos três jogos no Grande ABC. Antes, o clube mergulhou em uma ligeira crise instalada pelos 'Atléticos'. Na 21ª rodada, o Azulão perdeu para o Atlético-PR por 3 a 0. Já na 23ª jornada da competição, o Atlético-MG veio até a região e arrancou um empate (1 a 1).

Com mais este resultado positivo, o atual campeão paulista chegou aos 39 pontos e assumiu a 8ª posição. Já o Bugre vive uma situação completamente desesperadora. Com apenas 23 pontos, o clube de Campinas (SP) é simplesmente o 24ª colocado – mais conhecido como lanterninha. Se o Campeonato Brasileiro acabasse no dia 18 de agosto, o Guarani estaria rebaixado para a Série B de 2005.

Na próxima rodada, a 26ª do certame, o São Caetano terá uma parada indigesta pela frente. O time do Grande ABC viaja até Caxias do Sul para enfrentar o Juventude (4º colocado). A partida acontece domingo, às 16h, no estádio Alfredo Jaconi (RS). No mesmo dia e horário, o Bugre recebe no estádio Brinco de Ouro da Princesa (Campinas-SP) o Vasco da Gama. O jogo promete ser fundamental para as pretensões do Guarani, já que o time carioca não atravessa boa fase e deve se transformar, com o decorrer das rodadas, um sério candidato ao descenso.

'Trator Azul' - Apesar da grande diferença técnica entre os jogadores de São Caetano e Guarani, o técnico visitante, Lori Sandri, conseguiu armar um esquema de marcação forte, que impedia do Azulão se utilizar de suas principais armas ofensivas. No primeiro tempo, as duas equipes marcaram muito e criaram poucas chances de gol.

Já no segundo tempo, o Bugre não resistiu à força dos donos da casa e o 'trator azul' começou a fazer estragos no gramado do estádio Anacleto Campanella. Aos 13 minutos, o clube da região encaixou um belo contra ataque. O pequenino Éder desceu em velocidade pela esquerda e cruzou na área. O também pequenino Marcinho fechava livre no segundo pau e só teve o trabalho de tocar para o fundo das redes de Jean.

O gol fez o Guarani se abrir, o que foi fundamental para o Azulão sacramentar a vitória. Aos 29 minutos, o meia Danilo, que tinha acabado de entrar, percebeu Triguinho fechando na grande área e lançou a bola. O lateral-esquerdo dominou na frente de Jean e fuzilou o goleiro para marcar o segundo tento da noite.

O concretização da goleada aconteceu aos 35 minutos. Depois de uma bate rebate na área do Guarani, a redonda sobrou limpa para o veterano Euller, que teve a calma de dominar, ajeitar e tocar com categoria para o fundo do gol caipira. Fim de jogo: São caetano 3 x 0 Guarani.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;