Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ultra-ortodoxos insultam mulheres no Muro das Lamentaçoes


Do Diário do Grande ABC

04/06/2000 | 15:42


A polícia israelense teve que intervir, neste domingo, para proteger as mulheres pertencentes aos grupos mais liberais do judaísmo, que foram ao local orar junto ao Muro das Lamentaçoes, em Jerusalém, o que provocou a ira dos ultra-ortodoxos.

Cerca de 70 mulheres, algumas delas com adereços de uso restrito aos homens, como os kippas (gorros), rezaram na área reservada às mulheres, só que em voz alta, o que era proibido há pouco tempo.

As mulheres ultra-ortodoxas que se encontravam no local também vaiaram o outro grupo de mulheres e cerca de 50 homens as insultaram, tratando-as entre outras coisas de "lésbicas cristas".

A polícia impediu que os ultra-ortodoxos se aproximassem das mulheres, por medo de alguma agressao. Houve empurra-empurra e três ultra-ortodoxos foram detidos.

Em 22 de maio, a Suprema Corte autorizou as mulheres da corrente 'conservadora', muito forte na importante comunidade judia dos EUA, a rezar no Muro das Lamentaçoes.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;