Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 6 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Grande público desconhece Summers, diz pesquisa



13/09/2013 | 03:28


Tanto em Washington quanto em Wall Street, quase todo mundo parece ter uma opinião sobre quem o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deve escolher para assumir o comando do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) no lugar de Ben Bernanke. O público, porém, parece não conhecer muito bem Lawrence Summers, ex-secretário do Tesouro e um dos candidatos ao cargo.

De acordo com uma pesquisa do Wall Street Journal e da NBC News, 69% dos entrevistados não reconhecem o nome de Summers ou não tem uma opinião formada sobre ele. Entre os entrevistados que conheciam o candidato ao posto de Bernanke, mais de metade disse que o sentimento em relação a Summers era "neutro". Dos 13% que deram uma resposta sobre o que sentiam em relação ao ex-secretário do Tesouro norte-americano, 66% deram uma opinião negativa.

O levantamento indicou que Bernanke era um pouco mais conhecido. No total, 45% dos entrevistados não sabiam quem era ou não tinham opinião formada sobre o atual presidente do banco central norte-americano. Antes da crise financeira, 67% tiveram essa resposta em relação a Bernanke. Já os demais entrevistados estão divididos quase igualmente entre sentimentos positivos, negativos ou neutros em relação a Bernanke.

O banco JPMorgan Chase é muito mais conhecido do que Bernanke e Summers. A pesquisa revela que 80% dos entrevistados disseram que conheciam a instituição financeira. Entre os que manifestaram opiniões sobre o banco, prevaleceram as respostas negativas: quase três vezes mais que as opiniões positivas. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grande público desconhece Summers, diz pesquisa


13/09/2013 | 03:28


Tanto em Washington quanto em Wall Street, quase todo mundo parece ter uma opinião sobre quem o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deve escolher para assumir o comando do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) no lugar de Ben Bernanke. O público, porém, parece não conhecer muito bem Lawrence Summers, ex-secretário do Tesouro e um dos candidatos ao cargo.

De acordo com uma pesquisa do Wall Street Journal e da NBC News, 69% dos entrevistados não reconhecem o nome de Summers ou não tem uma opinião formada sobre ele. Entre os entrevistados que conheciam o candidato ao posto de Bernanke, mais de metade disse que o sentimento em relação a Summers era "neutro". Dos 13% que deram uma resposta sobre o que sentiam em relação ao ex-secretário do Tesouro norte-americano, 66% deram uma opinião negativa.

O levantamento indicou que Bernanke era um pouco mais conhecido. No total, 45% dos entrevistados não sabiam quem era ou não tinham opinião formada sobre o atual presidente do banco central norte-americano. Antes da crise financeira, 67% tiveram essa resposta em relação a Bernanke. Já os demais entrevistados estão divididos quase igualmente entre sentimentos positivos, negativos ou neutros em relação a Bernanke.

O banco JPMorgan Chase é muito mais conhecido do que Bernanke e Summers. A pesquisa revela que 80% dos entrevistados disseram que conheciam a instituição financeira. Entre os que manifestaram opiniões sobre o banco, prevaleceram as respostas negativas: quase três vezes mais que as opiniões positivas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;