Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

BC da Austrália corta previsão do PIB em 2013



09/08/2013 | 01:04


O Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês) revisou há pouco a previsão de crescimento econômico do país em 2013, mas não deu detalhes sobre as perspectivas para as taxas de juros neste período. O RBA afirmou apenas que realizaria ajustes na política monetário caso fosse necessário.

"O conselho continuará avaliando as perspectivas e ajustará a política monetária para promover o crescimento sustentável da demanda e colocar os resultados consistentes da inflação em linha com a meta", disse o banco central em um comunicado político trimestral.

Nos últimos meses, o RBA sublinhou que a baixa inflação deu "margem" para novas reduções das taxas de juros, caso fosse necessário.

O banco central australiano reduziu sua previsão para o crescimento econômico em 2013 para 2,25%, ante a previsão de 2,5% realizada em maio.

A redução das expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) acontece à medida que um fluxo grande de investimentos no setor de mineração é finalizado e enquanto outros segmento da economia, como os gastos do consumidor e a construção respondem lentamente à baixa taxa de juros.

O RBA disse que não houve nenhuma diminuição de espaço para novos cortes na taxa de juros em agosto, e usou os dados recentes de inflação como exemplo.

Segundo a autoridade monetária do país, a queda de 15% do dólar australiano desde abril vai impulsionar a inflação por meio de preços mais elevados para os produtos importados, mas não o suficiente para que a inflação suba entre 2% e 3%, meta definida pelo BC.

"A expectativa é que a inflação seja consistente com a meta, mesmo com o efeito da depreciação (dólar australiano)," finalizou o BC australiano. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

BC da Austrália corta previsão do PIB em 2013


09/08/2013 | 01:04


O Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês) revisou há pouco a previsão de crescimento econômico do país em 2013, mas não deu detalhes sobre as perspectivas para as taxas de juros neste período. O RBA afirmou apenas que realizaria ajustes na política monetário caso fosse necessário.

"O conselho continuará avaliando as perspectivas e ajustará a política monetária para promover o crescimento sustentável da demanda e colocar os resultados consistentes da inflação em linha com a meta", disse o banco central em um comunicado político trimestral.

Nos últimos meses, o RBA sublinhou que a baixa inflação deu "margem" para novas reduções das taxas de juros, caso fosse necessário.

O banco central australiano reduziu sua previsão para o crescimento econômico em 2013 para 2,25%, ante a previsão de 2,5% realizada em maio.

A redução das expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) acontece à medida que um fluxo grande de investimentos no setor de mineração é finalizado e enquanto outros segmento da economia, como os gastos do consumidor e a construção respondem lentamente à baixa taxa de juros.

O RBA disse que não houve nenhuma diminuição de espaço para novos cortes na taxa de juros em agosto, e usou os dados recentes de inflação como exemplo.

Segundo a autoridade monetária do país, a queda de 15% do dólar australiano desde abril vai impulsionar a inflação por meio de preços mais elevados para os produtos importados, mas não o suficiente para que a inflação suba entre 2% e 3%, meta definida pelo BC.

"A expectativa é que a inflação seja consistente com a meta, mesmo com o efeito da depreciação (dólar australiano)," finalizou o BC australiano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;