Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Netuno sofre duro golpe em Campinas

Leandro Ferreira/AAN Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Dispersa, equipe de Diadema vira presa fácil e vê freada a pretensão de embalar na Série A-2


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

27/01/2018 | 07:00


Não passou de um sonho a pretensão do Água Santa de embalar na Série A-2 do Paulista. Depois de conquistar a primeira vitória terça-feira, contra o Batatais (2 a 1), o Netuno esperava aproveitar a facilidade de jogar como visitante para encaixar outro resultado positivo, ontem, contra o Guarani, em Campinas. Mas o que se viu foi domínio completo do Bugre, que venceu com facilidade por 3 a 0.

Descontente, Jorginho promoveu três mudanças – uma por necessidade. O goleiro Edson estreou na vaga de Matheus Nogueira, Genílson ocupou a lateral-direita, com Neguete deslocado para a zaga no lugar de Léo Rigo. Na frente, sem Lucas Formiga, suspenso, ele apostou no volante Matheus Santos.

O início mostrou que só trocar nomes não será suficiente. O Guarani partiu com tudo e fez dois gols em 17 minutos: Bruno Mendes, de pênalti, e Bruno Nazário, em falha de Edson.

Disperso, errando muitos passes e lento na transição defesa/ataque, o Netuno era presa fácil. Por sorte, o Bugre diminuiu o ritmo e passou a administrar a vitória parcial.

Nada mudou no segundo tempo. O Guarani sempre esteve mais perto do gol do que o Água Santa. Mesmo sem insistir muito, o time da casa fez o terceiro, aos 17, com Erik.

Entregue, o Água Santa se resguardou e torceu pelo apito final do jogo, que no início era sonho, mas virou pesadelo. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Netuno sofre duro golpe em Campinas

Dispersa, equipe de Diadema vira presa fácil e vê freada a pretensão de embalar na Série A-2

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

27/01/2018 | 07:00


Não passou de um sonho a pretensão do Água Santa de embalar na Série A-2 do Paulista. Depois de conquistar a primeira vitória terça-feira, contra o Batatais (2 a 1), o Netuno esperava aproveitar a facilidade de jogar como visitante para encaixar outro resultado positivo, ontem, contra o Guarani, em Campinas. Mas o que se viu foi domínio completo do Bugre, que venceu com facilidade por 3 a 0.

Descontente, Jorginho promoveu três mudanças – uma por necessidade. O goleiro Edson estreou na vaga de Matheus Nogueira, Genílson ocupou a lateral-direita, com Neguete deslocado para a zaga no lugar de Léo Rigo. Na frente, sem Lucas Formiga, suspenso, ele apostou no volante Matheus Santos.

O início mostrou que só trocar nomes não será suficiente. O Guarani partiu com tudo e fez dois gols em 17 minutos: Bruno Mendes, de pênalti, e Bruno Nazário, em falha de Edson.

Disperso, errando muitos passes e lento na transição defesa/ataque, o Netuno era presa fácil. Por sorte, o Bugre diminuiu o ritmo e passou a administrar a vitória parcial.

Nada mudou no segundo tempo. O Guarani sempre esteve mais perto do gol do que o Água Santa. Mesmo sem insistir muito, o time da casa fez o terceiro, aos 17, com Erik.

Entregue, o Água Santa se resguardou e torceu pelo apito final do jogo, que no início era sonho, mas virou pesadelo. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;