Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 29 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Morte de motoqueiros aumenta 66%


Simão Zygband
Do Diário do Grande ABC

19/09/2007 | 07:14


O sistema Anchieta-Imigrantes, que serve as principais cidades do Grande ABC e liga a Capital ao Litoral, tem apresentado grande número de mortes envolvendo motoqueiros.

Entre janeiro e agosto de 2006, ocorreram 75 mortes, contra 104 no mesmo período deste ano, envolvendo todos os tipos de veículo (caminhões, carros, ciclistas, pedestres etc). Um aumento de 39%. O índice de motoqueiros mortos em acidentes no mesmo período, por sua vez, saltou de 15 para 24: uma alta de mais de 66%.

Estima-se que existam cerca de 15 mil motoboys no Grande ABC. O número de acidentes cresce proporcionalmente a um boom na comercialização do veículo. A região, ano após ano, bate recordes de vendas, com crescimento acima dos 60%, resultado mais expressivo do que a média nacional. Mas isso não justifica a eventual imprudência.

“O motoqueiro precisa se conscientizar de que a rodovia não é avenida. Eles utilizam motos inseguras, em alta velocidade, onde qualquer acidente é fatal”, observa Humberto Gomes, diretor-superintendente da concessionária Ecovias, que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes.

Ele sugere que a Polícia Rodoviária intensifique a fiscalização ostensiva, impedindo que motoqueiros utilizem as rodovias desrespeitando as leis. “Estamos fazendo campanhas direcionadas, como a Blitze Educativa (veja quadro ao lado), que tenta conscientizá-los de que rodovia não é avenida.”

Para o advogado Cyro Vidal, presidente da Comissão de Assuntos e Estudos sobre o Direito de Trânsito da OAB-SP e um dos autores do Código Brasileiro de Trânsito, um dos motivos da alta mortalidade de motociclistas deve-se ao abrandamento da lei para veículos de duas rodas. “Antes eles não podiam circular entre veículos.

Agora, passam pela direita, pela esquerda, pelo céu ou pelo subterrâneo. Ficaram totalmente soltos.” Entretanto, não são apenas os motoqueiros que fazem aumentar o número de mortos na Anchieta-Imigrantes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;