Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Pros também muda de lado e fecha com Atila no 2º turno

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Líder da sigla, Severino do MSTU diz que governo não cumpriu acordos


Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

08/10/2016 | 07:00


Depois de o PDT mudar de lado e decidir apoiar a candidatura do deputado estadual Atila Jacomussi (PSB) no segundo turno da disputa pela Prefeitura de Mauá, o Pros também anunciou que deixou o arco de alianças do prefeito e candidato à reeleição, Donisete Braga (PT), para integrar o barco do socialista. A decisão foi formalizada ontem à noite, em evento no Cokeluxe, no Centro.

Presidente do partido na cidade e único vereador eleito pela sigla, Severino do MSTU disparou contra Donisete, acusando o petista de descumprir acordos. “Até hoje o governo sempre foi nosso parceiro, mas teve algumas coisas que não cumpriram e, por isso, o nosso grupo decidiu por apoiar o Atila”, explicou o já parlamentar, que não quis especificar quais foram os compromissos não respeitados.

Assim como os pedetistas, o Pros também foi contemplado no primeiro escalão do governo por Donisete. O petista entregou à sigla o comando da Hurbam (Habitação Popular e Urbanização de Mauá). Severino, porém, frisou que espera que o prefeito “pense muito bem” antes de decidir demitir os indicados do partido na autarquia. “Se não fosse o Pros e o Severino, o Donisete não teria ido nem para o segundo turno”, avisou. Com base eleitoral fortalecida em movimento de moradia – Movimento dos Sem-Terra Urbano –, Severino foi o parlamentar mais votado da cidade, com 5.547 votos. Ele garante que, mesmo estando do lado de Atila no pleito, o partido continuará apoiando o governo na Câmara até o fim do mandato.

Antes mesmo de Severino subir no palanque de Atila, petistas publicaram nas redes sociais vídeo, possivelmente gravado no primeiro turno, em que o vereador pede votos a Donisete e dispara contra Atila e a família Damo, que integra a chapa do socialista. “Vocês sabem muito bem o passado da família Damo. Foram as pessoas que mais prejudicaram Mauá”, diz Severino na inserção. O parlamentar prossegue nos ataques a Atila, acusando-o de fazer ligações de água clandestinas quando foi superintendente da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá).

“Ele não está preparado para ser prefeito”, completa. Sobre as falas, Severino disse não se lembrar do vídeo e sugeriu que as imagens foram montadas. “Eu desconheço esse vídeo. Hoje as pessoas usam de tudo para nos prejudicar. Fazem montagens como convém para elas”, explicou. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Pros também muda de lado e fecha com Atila no 2º turno

Líder da sigla, Severino do MSTU diz que governo não cumpriu acordos

Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

08/10/2016 | 07:00


Depois de o PDT mudar de lado e decidir apoiar a candidatura do deputado estadual Atila Jacomussi (PSB) no segundo turno da disputa pela Prefeitura de Mauá, o Pros também anunciou que deixou o arco de alianças do prefeito e candidato à reeleição, Donisete Braga (PT), para integrar o barco do socialista. A decisão foi formalizada ontem à noite, em evento no Cokeluxe, no Centro.

Presidente do partido na cidade e único vereador eleito pela sigla, Severino do MSTU disparou contra Donisete, acusando o petista de descumprir acordos. “Até hoje o governo sempre foi nosso parceiro, mas teve algumas coisas que não cumpriram e, por isso, o nosso grupo decidiu por apoiar o Atila”, explicou o já parlamentar, que não quis especificar quais foram os compromissos não respeitados.

Assim como os pedetistas, o Pros também foi contemplado no primeiro escalão do governo por Donisete. O petista entregou à sigla o comando da Hurbam (Habitação Popular e Urbanização de Mauá). Severino, porém, frisou que espera que o prefeito “pense muito bem” antes de decidir demitir os indicados do partido na autarquia. “Se não fosse o Pros e o Severino, o Donisete não teria ido nem para o segundo turno”, avisou. Com base eleitoral fortalecida em movimento de moradia – Movimento dos Sem-Terra Urbano –, Severino foi o parlamentar mais votado da cidade, com 5.547 votos. Ele garante que, mesmo estando do lado de Atila no pleito, o partido continuará apoiando o governo na Câmara até o fim do mandato.

Antes mesmo de Severino subir no palanque de Atila, petistas publicaram nas redes sociais vídeo, possivelmente gravado no primeiro turno, em que o vereador pede votos a Donisete e dispara contra Atila e a família Damo, que integra a chapa do socialista. “Vocês sabem muito bem o passado da família Damo. Foram as pessoas que mais prejudicaram Mauá”, diz Severino na inserção. O parlamentar prossegue nos ataques a Atila, acusando-o de fazer ligações de água clandestinas quando foi superintendente da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá).

“Ele não está preparado para ser prefeito”, completa. Sobre as falas, Severino disse não se lembrar do vídeo e sugeriu que as imagens foram montadas. “Eu desconheço esse vídeo. Hoje as pessoas usam de tudo para nos prejudicar. Fazem montagens como convém para elas”, explicou. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;