Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 14 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Tigre fecha com parceira e com técnico Marcelo Veiga

Ferroviário/Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Magnum, que fabrica relógios e está envolvida na administração do Guarani, será a gestora da equipe na Série A-2


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

25/10/2019 | 07:00


O São Bernardo FC vai disputar a Série A-2 do Campeonato Paulista sob administração da Magnum, empresa fabricante de relógios, mas que há alguns anos entrou no mercado do futebol e também está envolvida na gestão do Guarani, que integra a Série A-1 do Estadual e a Série B do Brasileiro.

Com o acordo fechado, o Tigre também já tem novo treinador: Marcelo Veiga, ex-Bragantino, que ontem fez visita para conhecer o Estádio 1º de Maio. O anúncio oficial será feito nos próximos dias.

O presidente Edinho Montemor já havia antecipado que estudava a possibilidade de repetir o modelo usado nesta temporada, quando o São Bernardo FC disputou a Série A-2 sob gestão da empresa Elenko Sports, mesmo não tendo bons resultados. Muito pelo contrário. Se salvou do rebaixamento apenas na última rodada.

A aposta atual é que a Magnum tenha condições financeira de fazer grandes investimentos e a contratação de Marcelo Veiga é um indício promissor disso. O treinador era pretendido pelo rival Santo André, que vai disputar a Série A-1 do Paulista, mas ele mesmo confirmou o acerto com o Tigre. “Sim, vou comandar o São Bernardo, mas ainda não está assinado o contrato. Já comecei a trabalhar nos bastidores para a montagem do elenco”, confirmou o treinador.

Marcelo Veiga treinou o Bragantino em mais de 500 jogos somadas as seis passagens que teve pelo clube. Ele foi demitido no primeiro semestre, assim que a equipe de Bragança Paulista foi comprada pelo Red Bull, e a nova diretoria decidiu manter Antônio Carlos no comando.
Depois disso passou período de aprendizagem com Fábio Carille, no Corinthians, e no segundo semestre substituiu Marcelo Vilar, contratado pelo São Caetano, no Ferroviário, que disputou a Série C do Brasileiro.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tigre fecha com parceira e com técnico Marcelo Veiga

Magnum, que fabrica relógios e está envolvida na administração do Guarani, será a gestora da equipe na Série A-2

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

25/10/2019 | 07:00


O São Bernardo FC vai disputar a Série A-2 do Campeonato Paulista sob administração da Magnum, empresa fabricante de relógios, mas que há alguns anos entrou no mercado do futebol e também está envolvida na gestão do Guarani, que integra a Série A-1 do Estadual e a Série B do Brasileiro.

Com o acordo fechado, o Tigre também já tem novo treinador: Marcelo Veiga, ex-Bragantino, que ontem fez visita para conhecer o Estádio 1º de Maio. O anúncio oficial será feito nos próximos dias.

O presidente Edinho Montemor já havia antecipado que estudava a possibilidade de repetir o modelo usado nesta temporada, quando o São Bernardo FC disputou a Série A-2 sob gestão da empresa Elenko Sports, mesmo não tendo bons resultados. Muito pelo contrário. Se salvou do rebaixamento apenas na última rodada.

A aposta atual é que a Magnum tenha condições financeira de fazer grandes investimentos e a contratação de Marcelo Veiga é um indício promissor disso. O treinador era pretendido pelo rival Santo André, que vai disputar a Série A-1 do Paulista, mas ele mesmo confirmou o acerto com o Tigre. “Sim, vou comandar o São Bernardo, mas ainda não está assinado o contrato. Já comecei a trabalhar nos bastidores para a montagem do elenco”, confirmou o treinador.

Marcelo Veiga treinou o Bragantino em mais de 500 jogos somadas as seis passagens que teve pelo clube. Ele foi demitido no primeiro semestre, assim que a equipe de Bragança Paulista foi comprada pelo Red Bull, e a nova diretoria decidiu manter Antônio Carlos no comando.
Depois disso passou período de aprendizagem com Fábio Carille, no Corinthians, e no segundo semestre substituiu Marcelo Vilar, contratado pelo São Caetano, no Ferroviário, que disputou a Série C do Brasileiro.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;