Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mano desabafa e critica 'entreguismo' no Brasileirão


Nelson Cilo
Com Agências

27/11/2010 | 07:14


Ao participar do anúncio dos finalistas do Prêmio Craque do Brasileirão (acima), Mano Menezes criticou a onda atual de entreguismo que tomou conta da reta final da temporada nacional. O técnico também aproveitou a coletiva de ontem no Rio para admitir novas chances a Ronaldinho Gaúcho. Além disso, procurou deixar claro que Douglas não será crucificado pelo gol de Messi na recente derrota do Brasil no amistoso diante dos argentinos, em Doha, Catar.

O que mais o preocupa são as promessas públicas de cartolas que manifestam a intenção de manipular resultados para prejudicar os rivais. Ele não citou nomes, mas o recado é destinado principalmente ao Palmeiras, que pretende facilitar para o líder Fluminense, candidato direto do Corinthians na briga pelo título nacional.

Quanto a Ronaldinho, que retornou à Seleção depois de mais de dois anos de ausência, Mano disse que não o levaria para um jogo. "Não seria inteligente pensar dessa maneira", observou.

Mano ainda abordou o caso Douglas. Ao perder a bola na intermediária, o meia permitiu o contra-ataque aproveitado pelo canhoto Messi

"Não vamos culpar só um. Tivemos a chance de neutralizar a jogada. Você não sofre gol no meio campo. Poderíamos recuperar a bola. O tamanho de nossa vida na Seleção não deve ficar na dependência de uma atitude única, muito menos de pequenas falhas ou de feitos isolados", comentou Mano, que assumiu as ofensas ao armador do Grêmio. "Naquele momento, aconteceu o desabafo na beira do campo. Fui até um pouco mal-educado. Mas ali é assim mesmo", explicou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mano desabafa e critica 'entreguismo' no Brasileirão

Nelson Cilo
Com Agências

27/11/2010 | 07:14


Ao participar do anúncio dos finalistas do Prêmio Craque do Brasileirão (acima), Mano Menezes criticou a onda atual de entreguismo que tomou conta da reta final da temporada nacional. O técnico também aproveitou a coletiva de ontem no Rio para admitir novas chances a Ronaldinho Gaúcho. Além disso, procurou deixar claro que Douglas não será crucificado pelo gol de Messi na recente derrota do Brasil no amistoso diante dos argentinos, em Doha, Catar.

O que mais o preocupa são as promessas públicas de cartolas que manifestam a intenção de manipular resultados para prejudicar os rivais. Ele não citou nomes, mas o recado é destinado principalmente ao Palmeiras, que pretende facilitar para o líder Fluminense, candidato direto do Corinthians na briga pelo título nacional.

Quanto a Ronaldinho, que retornou à Seleção depois de mais de dois anos de ausência, Mano disse que não o levaria para um jogo. "Não seria inteligente pensar dessa maneira", observou.

Mano ainda abordou o caso Douglas. Ao perder a bola na intermediária, o meia permitiu o contra-ataque aproveitado pelo canhoto Messi

"Não vamos culpar só um. Tivemos a chance de neutralizar a jogada. Você não sofre gol no meio campo. Poderíamos recuperar a bola. O tamanho de nossa vida na Seleção não deve ficar na dependência de uma atitude única, muito menos de pequenas falhas ou de feitos isolados", comentou Mano, que assumiu as ofensas ao armador do Grêmio. "Naquele momento, aconteceu o desabafo na beira do campo. Fui até um pouco mal-educado. Mas ali é assim mesmo", explicou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;