Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Hotel cria mensagem com luzes e
emociona vizinhos em Santo André

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Palavra ‘fé’ foi escrita com iluminação dos quartos vazios pela pandemia


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

01/04/2020 | 00:01


 A emoção anda tão à flor da pele que a mais despretensiosa mensagem causa impacto. Quem circulou esta semana pela região do bairro Homero Thon, em Santo André, se deparou com a palavra ‘fé’ iluminada em uma das faces do Hilton Garden Inn, hotel localizado bem ao lado do Atrium Shopping, que aproveitou a baixa demanda para transmitir mensagem de otimismo em meio à pandemia da Covid-19.

A atitude gerou enorme repercussão. Juliana Feltrin, gerente de vendas do empreendimento, foi quem organizou a ação, idealizada pela equipe de governança, que conhece cada um dos apartamentos. “Pensamos isso durante o fim de semana, fizemos alguns testes, vimos que daria certo e resolvemos acender na segunda-feira. Nos assustamos com tamanha visibilidade que deu.

Fizemos sem esperar nada, apenas para transmitir mensagem de otimismo em tempo com tantas notícias ruins circulando. Logo que acendemos já fomos marcados em dezenas de compartilhamento nas redes sociais. Tanto que decidimos manter as luzes por mais alguns dias”, explica. “Vivemos em momento tão delicado que precisamos nos unir para que, juntos, consigamos superar tudo isso. É preciso ter muita fé, que tudo vai passar”, projetou Juliana.

O efeito ficou ainda mais bonito porque o Atrium Shopping e os comércios no entorno estão fechados, portanto, com as luzes apagadas, o que dá ainda mais destaque para a mensagem do hotel.

A ação só foi possível porque o empreendimento está praticamente vazio. Dependente do turismo e de eventos corporativos, que foram cancelados para evitar aglomerações e a disseminação do novo coronavírus, o hotel está com menos de 10% da sua capacidade preenchida. Segundo Juliana, em abril os hotéis da rede costumam ter, pelo menos, 60% dos quartos alugados.

A maior parte dos hóspedes decidiu ficar lá por precaução ao vírus. “Temos alguns casos de pessoas que estão em quarentena e preferiram se hospedar para ter mais conforto. Também estão no hotel pessoas que moram com idosos e não querem correr o risco de levar a contaminação para casa. Se a pandemia nos tirou parte dos clientes, pelo menos estamos servindo de outra maneira”, destacou Juliana.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Hotel cria mensagem com luzes e
emociona vizinhos em Santo André

Palavra ‘fé’ foi escrita com iluminação dos quartos vazios pela pandemia

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

01/04/2020 | 00:01


 A emoção anda tão à flor da pele que a mais despretensiosa mensagem causa impacto. Quem circulou esta semana pela região do bairro Homero Thon, em Santo André, se deparou com a palavra ‘fé’ iluminada em uma das faces do Hilton Garden Inn, hotel localizado bem ao lado do Atrium Shopping, que aproveitou a baixa demanda para transmitir mensagem de otimismo em meio à pandemia da Covid-19.

A atitude gerou enorme repercussão. Juliana Feltrin, gerente de vendas do empreendimento, foi quem organizou a ação, idealizada pela equipe de governança, que conhece cada um dos apartamentos. “Pensamos isso durante o fim de semana, fizemos alguns testes, vimos que daria certo e resolvemos acender na segunda-feira. Nos assustamos com tamanha visibilidade que deu.

Fizemos sem esperar nada, apenas para transmitir mensagem de otimismo em tempo com tantas notícias ruins circulando. Logo que acendemos já fomos marcados em dezenas de compartilhamento nas redes sociais. Tanto que decidimos manter as luzes por mais alguns dias”, explica. “Vivemos em momento tão delicado que precisamos nos unir para que, juntos, consigamos superar tudo isso. É preciso ter muita fé, que tudo vai passar”, projetou Juliana.

O efeito ficou ainda mais bonito porque o Atrium Shopping e os comércios no entorno estão fechados, portanto, com as luzes apagadas, o que dá ainda mais destaque para a mensagem do hotel.

A ação só foi possível porque o empreendimento está praticamente vazio. Dependente do turismo e de eventos corporativos, que foram cancelados para evitar aglomerações e a disseminação do novo coronavírus, o hotel está com menos de 10% da sua capacidade preenchida. Segundo Juliana, em abril os hotéis da rede costumam ter, pelo menos, 60% dos quartos alugados.

A maior parte dos hóspedes decidiu ficar lá por precaução ao vírus. “Temos alguns casos de pessoas que estão em quarentena e preferiram se hospedar para ter mais conforto. Também estão no hotel pessoas que moram com idosos e não querem correr o risco de levar a contaminação para casa. Se a pandemia nos tirou parte dos clientes, pelo menos estamos servindo de outra maneira”, destacou Juliana.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;