Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

PMs são acusados de atear fogo em adolescente no PR


Do Diário OnLine

13/03/2004 | 14:56


O comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel David Antônio Pancotti, determinou a abertura de um Conselho de Disciplina para investigar os policiais militares acusados de atear fogo em um adolescente internado em um hospital de Curitiba. Os oficiais já tiveram a prisão preventiva decretada.

Segundo o coronel, o inquérito aberto para apurar as circunstâncias do fato concluiu que há indício de crime de natureza militar e também transgressão disciplinar de natureza grave. Desde o dia do incidente, os cinco policiais acusados foram afastados de suas funções e passaram a desempenhar tarefas administrativas ao mesmo tempo em que eram realizadas as investigações.

A Justiça entendeu que, dos cinco acusados, um sargento e três soldados deveriam ser presos preventivamente até a elucidação total do ocorrido. Eles deverão se apresentar nas próximas horas ao comando do 12º Batalhão da PM e ficarão recolhidos no Batalhão de Polícia de Guarda da PM, em Curitiba, segundo a Agência Brasil.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;