Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Atila cobra demissão de assessor

Vereador de Mauá ficou ofendido com piada feita por aliado de Rogério na TV


Mark Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

25/11/2011 | 07:00


O vereador de Mauá Atila Jacomussi (PPS) entrará hoje com representação na direção da Câmara contra Daniel Alcarria, assessor da presidência da Casa e apadrinhado pelo comandante do Legislativo, Rogério Santana (PT). O popular-socialista ficou ofendido com piada feita pelo funcionário em programa de TV a cabo do qual é apresentador.

Na ocasião, Alcarria foi identificado pelo coapresentador de "único comunista que acredita no Atila Jacomussi". Como resposta, o assessor bateu três vezes na mesa e disse: "Deus me livre". Em seguida, afirmou acreditar até em Muamar Kadhafi, mas não no parlamentar.

"Não desrespeitou só a mim, mas o grupo político e quase 9.000 pessoas que me elegeram", justifica o vereador mais votado da história de Mauá (conquistou 8.432 votos em 2008) e pré-candidato a prefeito. "Sou representante da cidade e das pessoas que acreditam nesse trabalho. Pessoa em cargo público precisa ter responsabilidade."

Atila ressaltou que a representação reivindicará providências de Rogério sobre o assunto. "Fica a critério dele definir que atitude tomar." Mas, ao cobrar "pulso firme" do presidente da Câmara, indicou que espera a exoneração de Alcarria. "Se um dia um funcionário meu desrespeitar um vereador, estará fora."

O popular-socialista não foi o único alvo de Alcarria. No programa, veiculado no dia 16, o apresentador analisou que as escolas de samba de Mauá "ficam o ano inteiro fazendo b... nenhuma e lá por outubro vão pedir dinheirinho para a Prefeitura fazer o Carnaval" - a festa não ocorrerá em 2012 por falta de repasse do Executivo.

Aproveitando a entrevistada da noite, a secretária de Cultura de Mauá, Eliana Henrique da Silva (mulher de Rogério), os apresentadores retomaram o episódio de suposto assédio moral exercido pela titular da Pasta por ter se dirigido a subordinados de forma homofóbica - o caso foi publicado pelo Diário em outubro. Eliana gargalhou após comentário de que na secretaria só tem homossexuais. E questionada se já provou "o cigarrinho do capeta (maconha)", a secretária respondeu: "Quem nunca provou?"

Alcarria, Rogério e Eliana não retornaram aos contatos da equipe do Diário.

DE NOVO
Esta não é a primeira vez que Daniel Alcarria se envolve em polêmica. Em 2009, quando era funcionário da Secretaria de Educação, foi flagrado assessorando Rogério Santana no horário de expediente da Prefeitura. Acusado de exercer dupla função, ele foi exonerado do Paço e contratado pela Câmara.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Atila cobra demissão de assessor

Vereador de Mauá ficou ofendido com piada feita por aliado de Rogério na TV

Mark Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

25/11/2011 | 07:00


O vereador de Mauá Atila Jacomussi (PPS) entrará hoje com representação na direção da Câmara contra Daniel Alcarria, assessor da presidência da Casa e apadrinhado pelo comandante do Legislativo, Rogério Santana (PT). O popular-socialista ficou ofendido com piada feita pelo funcionário em programa de TV a cabo do qual é apresentador.

Na ocasião, Alcarria foi identificado pelo coapresentador de "único comunista que acredita no Atila Jacomussi". Como resposta, o assessor bateu três vezes na mesa e disse: "Deus me livre". Em seguida, afirmou acreditar até em Muamar Kadhafi, mas não no parlamentar.

"Não desrespeitou só a mim, mas o grupo político e quase 9.000 pessoas que me elegeram", justifica o vereador mais votado da história de Mauá (conquistou 8.432 votos em 2008) e pré-candidato a prefeito. "Sou representante da cidade e das pessoas que acreditam nesse trabalho. Pessoa em cargo público precisa ter responsabilidade."

Atila ressaltou que a representação reivindicará providências de Rogério sobre o assunto. "Fica a critério dele definir que atitude tomar." Mas, ao cobrar "pulso firme" do presidente da Câmara, indicou que espera a exoneração de Alcarria. "Se um dia um funcionário meu desrespeitar um vereador, estará fora."

O popular-socialista não foi o único alvo de Alcarria. No programa, veiculado no dia 16, o apresentador analisou que as escolas de samba de Mauá "ficam o ano inteiro fazendo b... nenhuma e lá por outubro vão pedir dinheirinho para a Prefeitura fazer o Carnaval" - a festa não ocorrerá em 2012 por falta de repasse do Executivo.

Aproveitando a entrevistada da noite, a secretária de Cultura de Mauá, Eliana Henrique da Silva (mulher de Rogério), os apresentadores retomaram o episódio de suposto assédio moral exercido pela titular da Pasta por ter se dirigido a subordinados de forma homofóbica - o caso foi publicado pelo Diário em outubro. Eliana gargalhou após comentário de que na secretaria só tem homossexuais. E questionada se já provou "o cigarrinho do capeta (maconha)", a secretária respondeu: "Quem nunca provou?"

Alcarria, Rogério e Eliana não retornaram aos contatos da equipe do Diário.

DE NOVO
Esta não é a primeira vez que Daniel Alcarria se envolve em polêmica. Em 2009, quando era funcionário da Secretaria de Educação, foi flagrado assessorando Rogério Santana no horário de expediente da Prefeitura. Acusado de exercer dupla função, ele foi exonerado do Paço e contratado pela Câmara.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;