Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Rajoy admite erros, mas rejeita acusações



01/08/2013 | 07:00


O primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, rejeitou nesta quinta-feira as acusações de Luis Bárcenas, ex-tesoureiro de seu partido, de que ele e outros funcionários receberam pagamentos ilegais. Contudo, Rajoy admitiu erros no tratamento do caso.

O primeiro-ministro disse a parlamentares que não deveria ter apoiado o ex-tesoureiro Luis Bárcenas por anos, depois que o caso, inicialmente, começou. Este apoio, ressaltado por recentes revelações de mensagens de texto entre o primeiro-ministro e Bárcenas, tem contribuído para a queda da popularidade de Rajoy.

"Eu estava errado em confiar nessa pessoa", disse Rajoy.

Ainda assim, o primeiro-ministro acrescentou que os erros foram cometidos por causa de equívocos de confiança, e não por razões políticas. "Meu erro foi acreditar que alguém era inocente quando ele não era". Segundo Rajoy, ele não tentou proteger alguém que é supostamente culpado. Fonte: Dow Jones Newswires.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;