Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Lula defende Alca justa em festa da Embrapa


Do Diário OnLine

29/04/2003 | 12:32


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta terça-feira a criação da Área de Livre Comércio das Amércias (Alca) com uma competitividade justa. "Desta vez, quem quer negociar vai saber que o país tem um governo que sabe o que quer e o que vai fazer para chegar lá", disse, durante discurso em comemoração dos 30 anos da Emprsa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Lula afirmou que ainda há espaço para que a economia se recupere, lembrando da redução do preço da gasolina e da recente queda do valor do dólar. Para ele, no futuro, "não haverá razões para (o Brasil) ser chamado como país de risco".

O presidente elogiou o trabalho da estatal, que pesquisa técnicas de manejo e controle de pragas na agricultura, entre outras atividades, e defendeu melhores salários para os pesquisadores.

"Temos profissionais formados nas mais diversas universidades do mundo que não têm reconhecimento dentro de seu próprio país", avaliou, prometendo recuperar os investimentos em pesquisa e garantindo as condições necessárias de custeio para que não sejam comprometidas as pesquisas em andamento.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lula defende Alca justa em festa da Embrapa

Do Diário OnLine

29/04/2003 | 12:32


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta terça-feira a criação da Área de Livre Comércio das Amércias (Alca) com uma competitividade justa. "Desta vez, quem quer negociar vai saber que o país tem um governo que sabe o que quer e o que vai fazer para chegar lá", disse, durante discurso em comemoração dos 30 anos da Emprsa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Lula afirmou que ainda há espaço para que a economia se recupere, lembrando da redução do preço da gasolina e da recente queda do valor do dólar. Para ele, no futuro, "não haverá razões para (o Brasil) ser chamado como país de risco".

O presidente elogiou o trabalho da estatal, que pesquisa técnicas de manejo e controle de pragas na agricultura, entre outras atividades, e defendeu melhores salários para os pesquisadores.

"Temos profissionais formados nas mais diversas universidades do mundo que não têm reconhecimento dentro de seu próprio país", avaliou, prometendo recuperar os investimentos em pesquisa e garantindo as condições necessárias de custeio para que não sejam comprometidas as pesquisas em andamento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;