Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Vaticano anuncia quarta arcebispo de Salvador


Do Diário do Grande ABC

09/01/1999 | 15:59


O Vaticano anunciará na próxima quarta-feira a nomeaçao do novo arcebispo da Arquidiocese de Salvador, na Bahia. A informaçao é do vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Marcelo Carvalheira, de Joao Pessoa (PB). O arcebispo-primaz e futuro cardeal será provavelmente Dom Geraldo Majella Agnelo, 65 anos, atualmente em Roma, onde ocupa o cargo de secretário da Congregaçao para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos.

``Nao posso revelar o nome, porque estou impedido por segredo pontifício'', observou Dom Marcelo, sem confirmar nem desmentir a escolha de Dom Geraldo Majella. As nomeaçoes, transferências e aposentadorias de bispos brasileiros sao feitas tradicionalmente às 7h das quartas-feiras (meio-dia em Roma), através da Nunciatura Apostólica, em Brasília. A sede de Salvador está vaga desde o primeiro semestre do ano passado, quando o entao arcebispo, cardeal Dom Lucas Moreira Neves, foi nomeado prefeito da Congregaçao dos Bispos, da Cúria Romana.

O administrador arquidiocesano de Salvador, Dom José Carlos Melo, disse que, até este sábado à tarde, nao havia recebido nenhuma comunicaçao sobre a escolha do novo arcebispo. ``Em novembro, o núncio apostólico me falou que a nomeaçao sairia até o fim do ano, mas isso acabou nao ocorrendo'', revelou Dom José Carlos. Surpreso com a notícia sobre a escolha de Dom Geraldo Majella, publicada sexta pelo jornal Correio da Bahia, o bispo divulgou nota pela Rádio Excelsior, de propriedade da arquidiocese, para esclarecer que nao havia nada de oficial.

O administrador arquidiocesano seria o primeiro a saber, porque o anúncio apostólico costuma avisar o responsável pelo governo da diocese alguns dias antes da nomeaçao do novo bispo. ``Quando o nome do novo primaz for anunciado, manderei repicar os sinos de todas as igrejas da Bahia'', adiantou.

Dom José Carlos. Embora nao tenha sido notificado sobre a decisao do Vaticano, ele acha ``plausível'' que o escolhido venha a ser Dom Geraldo Majella - ``que é um homem com grande experiência administrativa e pastoral''.

Ex-bispo de Toledo e ex-arcebispo de Londrina, dioceses do Paraná, Dom Geraldo Majella é mineiro de Juiz de Fora, onde nasceu em 19 de outubro de 1933. Doutor em Liturgia pelo Instituto Anselmiano, de Roma, foi nomeado secretário da Congregaçao para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos em 1991. Seu nome esteve entre os candidatos mais cotados para a sucessao do cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, de Sao Paulo, no ano passado, mas a escolha acabou recaindo em Dom Cláudio Hummes, na época arcebispo de Fortaleza, no Ceará. Dom Geraldo Majella fez os cursos de Filosofia e de Teologia no antigo Seminário Central do Ipiranga, em Sao Paulo, onde trabalhou como padre durante 20 anos. Ordenado sacerdote em junho de 1957, foi nomeado bispo em agosto de 1978.

A especializaçao em liturgia será de grande utilidade para Dom Geraldo Majella, se ele for mesmo transferido para Salvador. Terra do candomblé, a Bahia tem representado um sério desafio pastoral para a Igreja, por causa de um ecletismo religioso que mistura o catolicismo com o culto afro-brasileiro. O último arcebispo, Dom Lucas Moreira Neves, teve vários conflitos com maes e pais-de-santo, durante os 11 anos em que dirigiu a arquidiocese.

O título de arcebispo-primaz vem do fato de Salvador ter sido a primeira diocese brasileira. Criada em 25 de fevereiro de 1551, ela é considerada sede cardinalícia, o que significa que o novo arcebispo será elevado a cardeal. O mesmo deverá ocorrer com Dom Cláudio Hummes, de Sao Paulo. O Brasil tem atualmente seis cardeais, todos com menos de 80 anos e, portanto, com direito a voto num eventual consistório para a eleiçao do papa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;