Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

'Flanelinhas' cobram até R$ 30 para 'olhar' carro no Morumbi


Do Diário OnLine

12/02/2007 | 12:30


R$ 30. Esse foi o preço médio pago pelo torcedor que compareceu ao clássico Corinthians e São Paulo, neste domingo, no Morumbi. Se não bastasse o abuso que atinge direto o bolso do popular, os proprietários dos veículos convivem com a falta de insegurança dos estacionamentos clandestinos montados em casas e terrenos baldios nas proximidades dos estádios.

De acordo com reportagem do SPTV (Rede Globo), os chamados 'flanelinhas' ficam no meio das ruas tentando convencer o motorista a estacionar em frente a residências ou em terrenos que não fornecem a mínima segurança para o veículo ou garantia ao proprietário. Nem mesmo a presença de viaturas da PM (Polícia Militar) chega a intimidar os praticantes deste tipo de atividade.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Flanelinhas' cobram até R$ 30 para 'olhar' carro no Morumbi

Do Diário OnLine

12/02/2007 | 12:30


R$ 30. Esse foi o preço médio pago pelo torcedor que compareceu ao clássico Corinthians e São Paulo, neste domingo, no Morumbi. Se não bastasse o abuso que atinge direto o bolso do popular, os proprietários dos veículos convivem com a falta de insegurança dos estacionamentos clandestinos montados em casas e terrenos baldios nas proximidades dos estádios.

De acordo com reportagem do SPTV (Rede Globo), os chamados 'flanelinhas' ficam no meio das ruas tentando convencer o motorista a estacionar em frente a residências ou em terrenos que não fornecem a mínima segurança para o veículo ou garantia ao proprietário. Nem mesmo a presença de viaturas da PM (Polícia Militar) chega a intimidar os praticantes deste tipo de atividade.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;