Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sport encara o Arsenal-ARG querendo provar que aprendeu a lição na Sul-Americana



27/07/2017 | 06:30


O Sport volta a campo nesta quinta-feira, às 19h15 (de Brasília), pelo jogo de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana. Diante do Arsenal, no estádio Julio Grondona, em Sarandí, na Argentina, o clube pernambucano não quer repetir o mesmo erro da fase anterior, quando venceu o Danubio, em casa, por 3 a 0 e depois sofreu o mesmo resultado no Uruguai, precisando das cobranças de pênaltis para avançar.

A situação é parecida. No primeiro jogo, realizado no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo ganhou por 2 a 0 e, por isso, pode até perder por um gol de diferença para avançar às oitavas de final. Se o placar se repetir, mas a favor dos argentinos, então a decisão será em chutes de penalidades.

O técnico do Sport garante que a forma como o time se classificou na última vez não vai influenciar no rendimento dos jogadores. A aflição, aliás, é compartilhada por boa parte do elenco, que prega que mesmo com a vantagem o espírito desde o minuto inicial tem que ser o mesmo do jogo em casa. "Não adianta vim só para se defender que não dá certo. A gente veio para jogar, não estamos pensando em empatar ou perder por 1 a 0", disse o meia Rithely.

Sem mistérios, Vanderlei Luxemburgo confirmou que vai repetir a escalação do último jogo. O goleiro Magrão, recuperado de uma lesão muscular na panturrilha esquerda, treinou normalmente e foi relacionado. Mas Agenor deve continuar como titular.

O Arsenal vem animado por ter se livrado do rebaixamento no Campeonato Argentino. De quebra, o time do técnico Humberto Grondona se reforçou com o zagueiro Facundo Cardozo e com o meia Ivan Bella. Eles podem ser escalados. "Estamos bem. Tenho muita esperança de que vamos ganhar. Vamos criar muitas dificuldades para os rivais e o elenco está bem", avaliou o treinador.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sport encara o Arsenal-ARG querendo provar que aprendeu a lição na Sul-Americana


27/07/2017 | 06:30


O Sport volta a campo nesta quinta-feira, às 19h15 (de Brasília), pelo jogo de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana. Diante do Arsenal, no estádio Julio Grondona, em Sarandí, na Argentina, o clube pernambucano não quer repetir o mesmo erro da fase anterior, quando venceu o Danubio, em casa, por 3 a 0 e depois sofreu o mesmo resultado no Uruguai, precisando das cobranças de pênaltis para avançar.

A situação é parecida. No primeiro jogo, realizado no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo ganhou por 2 a 0 e, por isso, pode até perder por um gol de diferença para avançar às oitavas de final. Se o placar se repetir, mas a favor dos argentinos, então a decisão será em chutes de penalidades.

O técnico do Sport garante que a forma como o time se classificou na última vez não vai influenciar no rendimento dos jogadores. A aflição, aliás, é compartilhada por boa parte do elenco, que prega que mesmo com a vantagem o espírito desde o minuto inicial tem que ser o mesmo do jogo em casa. "Não adianta vim só para se defender que não dá certo. A gente veio para jogar, não estamos pensando em empatar ou perder por 1 a 0", disse o meia Rithely.

Sem mistérios, Vanderlei Luxemburgo confirmou que vai repetir a escalação do último jogo. O goleiro Magrão, recuperado de uma lesão muscular na panturrilha esquerda, treinou normalmente e foi relacionado. Mas Agenor deve continuar como titular.

O Arsenal vem animado por ter se livrado do rebaixamento no Campeonato Argentino. De quebra, o time do técnico Humberto Grondona se reforçou com o zagueiro Facundo Cardozo e com o meia Ivan Bella. Eles podem ser escalados. "Estamos bem. Tenho muita esperança de que vamos ganhar. Vamos criar muitas dificuldades para os rivais e o elenco está bem", avaliou o treinador.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;