Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeirenses já se armam para barrar o Fenômeno

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Das Agências

31/10/2009 | 07:01


Os palmeirenses já estão ligados no clássico e pedem atenção especial a Ronaldo. Temem que o atacante, que assume parte da responsabilidade pela instabilidade do time, resolva pagar a dívida com a torcida diante do Alviverde.

Destaque do confronto do primeiro turno ao marcar três vezes no Corinthians, Obina não admite que entra em campo em momento superior ao do corintiano por também ter feito três contra o Goiás.

"Não existe fase melhor de um ou de outro. Antes do jogo contra o Goiás, eu estava sem marcar os gols. Precisamos tomar cuidado com o Ronaldo", aconselhou o ex-flamenguista.

O zagueiro Danilo será mais uma vez um dos responsáveis na batalha para segurar o Fenômeno. Ele rejeita a possibilidade de classificar Ronaldo como um jogador fora de forma, apesar dos quilinhos extras do adversário.

"Precisamos de todo cuidado. O Ronaldo não está fora de forma, é inteligente, abre espaços aos companheiros, temos de evitar que a bola chegue nele. Então, devemos marcar bem o Jorge Henrique e o Dentinho, aqueles que o servem. A gente sabe que um descuido pode ser fatal", reconheceu.

Nos clássicos deste ano contra o Palmeiras, Ronaldo passou por sensações distintas. No Paulista, subiu no alambrado do Prudentão ao fazer o primeiro gol com a camisa do Corinthians, garantindo o empate nos instantes finais. No primeiro turno do Brasileirão, sofreu fratura na mão esquerda.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Palmeirenses já se armam para barrar o Fenômeno

Das Agências

31/10/2009 | 07:01


Os palmeirenses já estão ligados no clássico e pedem atenção especial a Ronaldo. Temem que o atacante, que assume parte da responsabilidade pela instabilidade do time, resolva pagar a dívida com a torcida diante do Alviverde.

Destaque do confronto do primeiro turno ao marcar três vezes no Corinthians, Obina não admite que entra em campo em momento superior ao do corintiano por também ter feito três contra o Goiás.

"Não existe fase melhor de um ou de outro. Antes do jogo contra o Goiás, eu estava sem marcar os gols. Precisamos tomar cuidado com o Ronaldo", aconselhou o ex-flamenguista.

O zagueiro Danilo será mais uma vez um dos responsáveis na batalha para segurar o Fenômeno. Ele rejeita a possibilidade de classificar Ronaldo como um jogador fora de forma, apesar dos quilinhos extras do adversário.

"Precisamos de todo cuidado. O Ronaldo não está fora de forma, é inteligente, abre espaços aos companheiros, temos de evitar que a bola chegue nele. Então, devemos marcar bem o Jorge Henrique e o Dentinho, aqueles que o servem. A gente sabe que um descuido pode ser fatal", reconheceu.

Nos clássicos deste ano contra o Palmeiras, Ronaldo passou por sensações distintas. No Paulista, subiu no alambrado do Prudentão ao fazer o primeiro gol com a camisa do Corinthians, garantindo o empate nos instantes finais. No primeiro turno do Brasileirão, sofreu fratura na mão esquerda.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;