Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Toyota dará assistência adicional a cliente de recall



25/02/2010 | 07:00


O procurador-geral do Estado de Nova York, Andrew Cuomo, disse que a divisão norte- americana da Toyota Motor Corp. concordou em fornecer assistência adicional para os proprietários de carros que passarem pelo recall da montadora no Estado.

Mais tarde, o chefe das operações da Toyota na América do Norte, Yoshimi Inaba, sinalizou em uma audiência no Congresso que a assistência adicional será concedida em nível nacional. "Isso está acontecendo em todo o país", declarou Inaba em resposta a uma pergunta do deputado Edolphus Towns, presidente da Comitê de Supervisão e Reforma do Governo da Câmara dos Representantes.

Cuomo afirmou, durante entrevista coletiva, que as concessionárias da montadora em Nova York vão buscar o veículo que passará pelo recall na casa dos clientes, além de oferecer aluguel de carros de graça ou reembolso de gastos com transporte, tais como tarifas de táxis, enquanto o veículo estiver sendo reparado.

"Os nova-iorquinos estão pressionados até seu limite econômico", disse Cuomo. "Essa questão do recall da Toyota representa uma segunda dificuldade financeira para os moradores de Nova York". A Toyota iniciou um recall massivo de alguns modelos Toyota e Lexus por causa de incidentes de aceleração repentina. O custo da assistência adicional será pago pela Toyota Motor Sales USA Inc., a divisão norte-americana da montadora, segundo Cuomo.

Estes serviços serão fornecidos pela Toyota por meio das concessionárias, sem custos para os proprietários dos veículos com defeitos e para as lojas, afirmou a montadora em comunicado. Segundo a montadora, o reembolso dessas despesas é separado do subsídio de US$ 7.500 a US$ 75 mil que a empresa já forneceu às concessionárias ligadas aos recalls.

"Todo mundo na Toyota está concentrado em tornar o recente recall o mais simples e livre de problemas possível para nossos clientes", disse Jim Lentz, presidente e chefe operacional da Toyota Motors Sales.

Cuomo disse que o recall atinge cerca de 500 mil clientes em Nova York. Segundo ele, entre 19 e 28 veículos usados por seus colaboradores estão sujeitos ao procedimento. O procurador afirmou que seu escritório poderia buscar "recursos adicionais" em data posterior.

Cuomo destacou que sua equipe está conduzindo no momento investigação sobre o recall. De acordo com ele, seu escritório está "procurando quem sabia o quê e quando", além de rever depoimentos no Congresso e monitorando o recall da montadora. As informações são da Dow Jones.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;