Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

O Grande ABC precisa conhecer melhor o Poeta de Mauá

Aristides Theodoro, do Colégio Brasileiro de Poetas, o chamou de O Poeta da Ternura, em 1983, quando Hanssen lançou seu primeiro livro


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

27/11/2008 | 00:00


Castelo Hanssen, Mauá. Aristides Theodoro, do Colégio Brasileiro de Poetas, o chamou de O Poeta da Ternura, em 1983, quando Hanssen lançou seu primeiro livro: Canção pro Sol Voltar (Mauá: Edições Mariposa). O livro foi reeditado em 2000 (São Paulo: Editora do Escritor). Outros livros vieram. Mil poemas e crônicas nos jornais - locais e de Guarulhos, sua terra por adoção. E Castelo Hanssen nos apresenta sua mais recente obra, o livro de poesias A flor que Drummond viu Nascer no Asfalto (GerúndioGEedições).

Claro que entre o primeiro e o atual livro houve o amadurecimento do autor. Mas a chama forte do poeta e do cronista, seu entusiasmo pela vida, sua vontade de interagir e influir na mudança do mundo, para melhor, é a mesma.

No livro de 1983, Hanssen escrevia: "Se você quer vir comigo, vamos juntos descobrir esse país encantado onde se colhe o porvir como quem colhe uma flor. Vamos rasgar o horizonte no rastro dos nossos passos, e vamos fundar um mundo no doce império do amor" (do poema Atrás daquele horizonte, p. 13-14 da primeira edição).

No livro de 2008, Hanssen sapeca: "País grande, sem fronteiras, sem armas e sem bandeiras, onde a ternura é a lei, país chamado Utopia, o livre reino da poesia, um reino que não tem rei" (do poema que dá título à obra, p. 40-1-2).

O AUTOR
Aristides Castelo Hanssen é o seu nome por inteiro. Paulistano do bairro do Paraíso, nascido em 3 de setembro de 1941, com toda a infância passada em Guarulhos, São Bernardo e Mauá. Em Mauá viveu sua adolescência, juventude, e começou a ter os primeiros contatos com as letras. Foi tipógrafo. Desde os anos 1980 é jornalista.

Tivemos o ensejo de revê-lo na semana passada, na casa da irmã Alice e do cunhado Moacir Alves da Silva, em Mauá, quando acompanhamos Paulo Lage, presidente do Sindicato dos Químicos do ABC, na entrega do livro dos 70 anos do sindicato à família. O diretor Gerson Luiz dos Santos e a professora Márcia Plana, da Escola Olavo Hansen, estiveram presentes também, juntamente com a sobrinha Isabel.

Conversa posta em ordem, aprendemos com Castelo Hanssen e familiares um pouco mais do mano Olavo Hansen, trabalhador químico vítima do regime militar. Castelo Hanssen prossegue escrevendo. O Grande ABC precisa conhecer o seu filho melhor. Contato: 2406-4529. s

SANTOS DO DIA
Nossa Senhora das Graças, Bernardino de Fossa, Catarina Labouré, Francisco Antonio, Valeriano e Virgilio.

Em 1830, Nossa Senhora apareceu, em Paris, a Santa Catarina Labouré, então jovem religiosa, e lhe ensinou a devoção da Medalha Milagrosa. As primeiras medalhas foram confeccionadas em 1832. Naquele ano, uma epidemia de cólera ocorrera em Paris e com as medalhas distribuídas houve um refluxo nos casos da epidemia. Em 1894, a Igreja instituiu a festa litúrgica de Nossa Senhora da Medalha Milagrosa. A festa passou a ser celebrada anualmente no 27 de novembro.

DIÁRIO HÁ 30 ANOS
Domingo, 26 de novembro de 1978
TV - Santo André participa do Cidade Contra Cidade no Programa Silvio Santos. A adversária é São Vicente.
Especial 1 - Jornalista Denise Abraham escreve: "Subnutrição causa danos à criança".
Especial 2 - Ademir Médici escreve: "Migração é procura da cidade grande".
Crônica 1 - Roterdan Cravo & Fausto Polesi: "Falo de direitos humanos; falo de Átila e sequazes".
Crônica 2 - Júlio Pinheiro & Hermano Pini Filho: "Conveniência de resposta que seja à altura".
Filatelia - Valdenizio Petrolli informa sobre a Exposição de Jornalismo Filatélico Brasileiro.
Nossos clubes - Jornalista Luiz Silva conta a história da Sociedade Amigos de Vila Rosa, em São Bernardo, fundada em 31 de outubro de 1961.

EM 27 DE NOVEMBRO DE...
1688 - Provisão proíbe aos governadores o consentimento na colocação de seus retratos nas Câmaras ou quaisquer estabelecimentos públicos. Tal honraria somente poderia ser concedida pelo rei, em atendimento a representação das Câmaras.

1958 - Alice Meister é eleita Rainha do EC Eldorado, em Diadema.

HOJE
Dia do Técnico de Segurança do Trabalho, Dia Nacional do Combate ao Câncer e Dia de Ação de Graças.

Ademir Medici é jornalista e autor de livros sobre a memória do Grande ABC

Falecimentos

SANTO ANDRÉ
VALDEMAR MARCON, 72. Anteontem. Cemitério Santo André.
ALEXANDRE CASTOR CARNEIRO, 36. Anteontem. Cemitério Santa Lídia, Mauá.
CARLOS ROBERTO MARTINS, 56. Anteontem. Cemitério Vila Pires.
JOÃO TAKESHI UNEMURA, 89. Anteontem. Cemitério Vila Euclides, São Bernardo.
MARIA DO CARMO BATISTA, 51. Anteontem. Cemitério Curuçá.
NILTON DA SILVA, 65. Anteontem. Cemitério Vila Euclides, São Bernardo.
BENEDITO BERNARDO DO AMARAL, 62. Anteontem. Cemitério Jardim da Colina, São Bernardo.
SEBASTIÃO ROSA, 78. Anteontem. Cemitério Curuçá.

SÃO BERNARDO
MARIA MOREIRA SANTOS, 55. Anteontem. Cemitério Curuçá, Santo André.
ADELIA MARTINS TRISTÃO, 83. Ontem. Cemitério Jardim da Colina.
SEBASTIÃO ALVES DOS SANTOS, 50. Ontem. Cemitério Memorial Phoenix, Santo André.
FRANCISCA AMARO DE OLIVEIRA SOUZA, 86. Ontem. Cemitério Paulicéia.
VALDEMAR MIRANDA, 77. Ontem. Cemitério Baeta Neves.
DOMINGOS GERALDO DE FARIA, 75. Ontem. Cemitério Bairro dos Casa.
MARIA ESTELA RODRIGUES DE OLIVEIRA, 70. Ontem. Cemitério Municipal de Ribeirão Claro (SP).

SÃO CAETANO
MAXXIMO D. SARRO, 83. Dia 24. Cemitério das Lágrimas.
APARECIDA VITALINO DE MATOS, 83. Anteontem. Cemitério Santo André, Santo André.

DIADEMA
INÁCIO CARVALHO DE BRITO, 72. Anteontem, Cemitério Vale da Paz.
ALOÍSIO BENTO DA SILVA, 56. Anteontem. Cemitério Municipal.
VALTER DOS SANTOS, 45. Anteontem. Cemitério Vale da Paz.
MARIA NILZA TOME, 48. Anteontem. Cemitério Municipal.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

O Grande ABC precisa conhecer melhor o Poeta de Mauá

Aristides Theodoro, do Colégio Brasileiro de Poetas, o chamou de O Poeta da Ternura, em 1983, quando Hanssen lançou seu primeiro livro

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, acesse com:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;