Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Associação do Catar anuncia a contratação de Rivaldo


Do Diário do Grande ABC

03/06/2004 | 00:02


O meia brasileiro Rivaldo deve jogar no Catar. O anúncio foi feito nesta quarta pelo diretor-técnico da Associação de Futebol do país, Manfred Honer, em entrevista à rede BBC, da Inglaterra. “Rivaldo acertou com a gente. Ele esteve aqui durante três dias para conhecer nosso país e procurar uma casa para viver”, salientou o dirigente, ao acrescentar que o holandês Ronald de Boer também jogará no país na próxima temporada.

Honer disse ainda que nunca tinha duvidado, durante as negociações, que o impasse sobre o destino de Rivaldo era uma questão de dinheiro. “Isso é que motiva um jogador. Não posso mencionar cifras, mas está claro que se Rivaldo recebeu ofertas para atuar no Celtic (Escócia) e no Bolton (Inglaterra) por algo em torno de 55 mil dólares a semana, aqui ele vai ganhar muito, muito mais”, ressaltou.

Rivaldo, 32 anos, deixou o Milan, da Itália, no final de 2003 e teve uma breve passagem pelo Cruzeiro. O atleta, porém, deixou o clube após a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo – atualmente no Santos –, que o havia levado para o clube mineiro. Nos últimos meses, o jogador chegou a negociar uma transferência para o Celtic, da Escócia, e o Bolton, da Inglaterra. O clube britânico era apontado pela imprensa européia com o mais provável destino do jogador brasileiro.

Essa, porém, não é a primeira vez que a Associação de Futebol do Catar anuncia a contratação do jogador. No ano passado, quando ele rescindiu contrato com o Milan, os dirigentes do país chegaram a garantir a contratação. Desta vez, nem Rivaldo nem o seu procurador, Carlos Arine, se pronunciaram sobre a transação.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;