Setecidades Titulo Graduação e pós
Desafio de Redação premia com 15 bolsas universitárias

‘Diário’ vai para o segundo ano de parceria com a Fundação Santo André, que ampliou o leque de oportunidades para candidatos do concurso

Beatriz Mirelle
09/07/2024 | 21:20
Compartilhar notícia
Claudinei Plaza/DGABC


A 18ª edição do Desafio de Redação, promovido pelo Diário, vai premiar 15 ganhadores com bolsas de estudo no Centro Universitário FSA (Fundação Santo André). Alunos, professores e membros da comunidade interessados na competição deverão escrever sobre O impacto da Inteligência Artificial na vida real. Para participar, é necessário se inscrever pelo site www.dgabc.com.br/desafioredacao ou entrar em contato pelos telefones (11) 4435-8133 ou (11) 4435-8172. 

Esse é o segundo ano que o concurso literário mantém o leque de 15 bolsas universitárias para os participantes que se destacarem. “A Fundação Santo André se engajou nesse projeto. Esperamos que o Desafio de Redação ajude cada vez mais esses estudantes a terem um horizonte. Nos modelos anteriores, antes da parceria com a universidade, apenas dois ganhadores (um aluno e um membro da comunidade) eram premiados por ano. Em 2023, já rompemos essa linha de ação e começamos a contemplar também os professores”, destaca o pró-reitor da Fundação Santo André, Vander Andrade.

Serão sete bolsas integrais de graduação para os primeiros colocados de cada cidade da categoria IV (3ª ano do Ensino Médio, Telessala e Educação de Jovens e Adultos). 

Outras sete bolsas serão para um vencedor por cidade da categoria V (professores), com bolsa integral em um dos cursos de pós-graduação lato sensu EAD oferecidos pela FSA. Eles poderão escolher pela especialização em Gestão Escolar, especialização em Psicopedagogia na Prática Clínica e Institucional, MBA em Data Science & Analytics, MBA em Liderança Organizacional na Gestão de Pessoas: Aspectos Práticos e Comportamentais ou MBA em Gestão Organizacional: metodologias ágeis e ferramentas digitais. É necessário ter diploma de graduação válido e realizar matrícula até o fim de janeiro de 2025. Caso contrário, perderá o direito. 

O professor primeiro colocado geral dessa categoria vai ganhar também curso de idiomas, oferecido pela Experimento Intercâmbio Cultural.

A 15ª bolsa de estudo da FSA será para a categoria VI (membros da comunidade), sendo para graduação presencial. “A escolha do curso será livre do participante dentre os cursos oferecidos e abertos conforme edital do vestibular 2025 da Fundação Santo André, a saber: Administração, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Direito, Engenharias, Psicologia e Sistemas de Informação. Caso sejam oferecidos outros cursos no respectivo vestibular, o bolsista poderá optar por outro. Se o ganhador não realizar matrícula no prazo previsto, o segundo colocado da respectiva cidade será convidado para ocupar a vaga”, diz o regulamento. 

Os ganhadores contemplados pelas bolsas da FSA só poderão utilizá-las após inscrição e aprovação no processo seletivo da universidade. 




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;